Tempo
|
A+ / A-

Liga dos Campeões

Sérgio Conceição critica "infantilidade" de Wendell e lamenta ineficácia

07 dez, 2021 - 22:04 • Redação

Treinador do FC Porto diz que a equipa teve "tudo para ganhar" e garante que estarão "à altura do clube" na Liga Europa.

A+ / A-

Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, lamenta a falta de eficácia da eficácia da equipa frente ao Atlético de Madrid e deixa críticas à expulsão de Wendell, que considerou uma "infantilidade".

"Este jogo foi a imagem do que foram os nossos jogos no grupo. Devo salientar que disputamos os oitavos até aos 90 minutos, num grupo onde estavam equipas com mais títulos e candidatos na prova. Para aquilo que produzimos até à expulsão do nosso jogador, foi o suficiente para estar a ganhar. Não fomos eficazes, falhámos golos em momentos importantes", disse, à Eleven Sports.

Questionado sobre a expulsão do lateral-esquerdo, já depois do Atlético de Madrid ter visto Carrasco ser expulso, Sérgio diz que "não é normal" a equipa "meter-se a jeito".

"Quisemos empatar e ganhar o jogo, tivemos 30 minutos para jogar e depois há uma infantilidade do nosso jogador. Não é normal com o adversário reduzido metermo-nos a jeito. O segundo e o terceiro golo do Atlético foram resultado do jogo com coração do que por estratégia, num jogo em que tínhamos tudo para ganhar", acrescenta.

O Porto segue para a Liga Europa e Sérgio diz que a equipa vai estar "à altura" do que o clube exige.

"O futebol é um recomeçar constante. Temos consciência do que fizemos e não fizemos. Apesar da história do FC Porto na Europa, a história não joga. Temos pouca gente com experiencia nesta prova e isso notou-se hoje, tendo em conta a diferença na forma de estar em campo. Há provas para ganhar esta temporada. Estaremos sempre à altura do clube que representamos. Não tenho dúvidas", termina.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+