Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Pauleta e Diana Gomes, adidos da Missão de Portugal nos Jogos Olímpicos

21 set, 2023 - 23:30 • Lusa

Escolhas foram reveladas esta quinta-feira. Evento vai decorrer entre 26 de julho e 11 de agosto.

A+ / A-

O antigo futebolista Pauleta, diretor da Federação Portuguesa de Futebol, e a ex-nadadora Diana Gomes, presidente da Comissão de Atletas Olímpicos, vão ser os adidos da Missão de Portugal aos Jogos Olímpicos Paris 2024, anunciou esta quinta-feira o Comité Olímpico de Portugal.

Em comunicado, o Comité Olímpico de Portugal (COP) revelou que ambos aceitaram os convites que lhes foram dirigidos pelo Chefe da Missão, Marco Alves, e pela sua Adjunta, Catarina Monteiro, para desempenharem funções de acompanhamento dos atletas portugueses e de ligação da Missão com a comunidade portuguesa em França.

"É com muito orgulho que recebemos a notícia que tanto o Pedro Pauleta como a Diana Gomes aceitaram o convite para serem adidos olímpicos da Missão de Portugal aos Jogos Olímpicos Paris 2024 e estarão connosco no próximo verão a torcer pelos nossos atletas", afirmou Marco Alves, que repete em Paris 2024 a chefia da missão lusa desempenhada em Tóquio 2020.

Igualmente satisfeito, e também citado pelo organismo, mostrou-se o presidente do COP, considerando que a escolha da chefia de missão "tem um significado muito especial".

"A Diana Gomes é a presidente da CAO e vai, naturalmente, ser uma ajuda muito preciosa a toda a Missão no sentido de estabelecer a ligação com os atletas. O Pedro Pauleta, pela circunstância de ser uma figura de enorme prestígio em França e particularmente em Paris, pelo conhecimento que tem da sociedade francesa, vai ser seguramente também uma ajuda muito útil para a Missão no estabelecimento de relações de caráter institucional com as autoridades locais", afirmou José Manuel Constantino.

O presidente do organismo olímpico agradeceu a Pauleta e Diana Gomes, mas também à CAO e à FPF "por não terem colocado qualquer entrave a estas escolhas, antes pelo contrário terem estimulado, reconhecido e agradecido a circunstância da chefia de Missão ter designado estes adidos para os Jogos Olímpicos Paris 2024".

Aos 34 anos, Diana Gomes vai voltar a uns Jogos Olímpicos, depois de ter participado em duas edições, em Atenas 2004, com 15 anos, e em Pequim 2008.

"É com muita honra e muita satisfação que abraço este compromisso de ser a adida olímpica da Missão dos Jogos Olímpicos Paris 2024. Vai ser muito especial voltar a sentir o ambiente na Aldeia Olímpica, vai ser muito especial poder ajudar os atletas a superarem-se, a estarem no melhor momento da carreira deles. Vai ser espetacular. Paris 2024 está mesmo aí, estou pronta e estaremos todos prontos", afirmou a antiga nadadora.

O ex-avançado Pedro Pauleta, de 50 anos, não esteve como jogador em nenhuma presença olímpica de Portugal no torneio masculino de futebol, mas já esteve como dirigente no Rio 2016, a última depois de Amesterdão 1928, Atlanta 1996 e Atenas 2004.

"É uma honra enorme, uma responsabilidade enorme. Os Jogos Olímpicos são um momento especial para qualquer atleta, ainda mais os Jogos Olímpicos de 2024 por serem em Paris, numa cidade que conheço bem e onde nós temos muitos emigrantes que vivem o nosso país de uma maneira totalmente diferente. Posso ser também o elo de ligação com todos eles, num apoio diário aos nossos atletas. É uma honra poder ser mais uma na comitiva", afirmou o açoriano.

Com 47 golos marcados nas 88 vezes que vestiu a camisola da seleção portuguesa, Pauleta, atual diretor da FPF, destacou-se no estrangeiro, primeiro em Espanha, ao serviço de Salamanca e Deportivo, mas, sobretudo, em França, no Bordéus e no Paris Saint-Germain.

As cinco temporadas na capital francesa fizeram do micaelense, atual embaixador das academias do clube parisiense e da Ligue 1, uma referência para a comunidade portuguesa em França, conforme atestou Fernando Gomes, presidente da FPF.

"O Pedro Pauleta é um futebolista de eleição, uma referência, que alicerça ainda mais essa responsabilidade pelo facto de durante muitos anos ter jogado ao mais alto nível e ser um ídolo da comunidade portuguesa que está em França. Estamos certos que ele irá cumprir cabalmente as missões que lhe são confiadas neste cargo", afirmou o líder federativo, salientando o "orgulho" pelo convite aceitado.

Os Jogos Olímpicos Paris 2024 vão ser disputados entre 26 de julho e 11 de agosto do próximo ano, contando Portugal até agora com 16 vagas conquistadas (quatro na natação, outras tantas no atletismo, três na vela e na canoagem, uma no surf e outra no ciclismo).

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+