A+ / A-

Râguebi feminino

Portugal promovido à I Divisão europeia

18 mar, 2023 - 18:56 • Lusa

“Sensação de dever cumprido”, disse o selecionador luso.

A+ / A-

A seleção portuguesa feminina de râguebi foi promovida ao “Championship”, principal escalão europeu da modalidade, após a derrota da República Checa, em casa, com a Finlândia, por 3-0, na penúltima jornada do Europe Trophy.

Portugal precisava apenas que a República Checa não vencesse com ponto de bónus ofensivo para assegurar a subida de escalão, mas as anfitriãs acabaram mesmo por sair derrotadas e ficaram matematicamente arredadas da discussão.

"É uma sensação de dever cumprido, mas, ao mesmo tempo, de arregaçar as mangas para começar a preparar o que aí vem, porque vai ser exigente", disse o selecionador português, João Moura, à agência Lusa.

Portugal ainda visita a Alemanha, em 15 de abril, a contar para o “Trophy”, e para já "o foco está totalmente em acabar bem esta competição", mas no próximo ano as “lobas” têm um desafio maior para "assegurar a manutenção".

"O 'Championship' vai trazer um jogo com a Suécia, que poderá ser interessante, depois a Holanda, que é uma equipa muito experiente, e a Espanha, que festejou este ano o seu décimo título europeu", comentou o treinador.

Com a subida de Portugal, o 'Championship' feminino será alargado para quatro seleções, "mas a intenção da Rugby Europe é implementar um sistema de subidas e descidas que deve começar a funcionar já no próximo ano", explicou o técnico.

A seleção portuguesa disputou o “Trophy” pela primeira vez em 2022, numa edição experimental, e assegurou, agora, a subida ao “Championhip”, a uma jornada do final, com vitórias sobre Bélgica (71-5), Finlândia (39-0) e Chéquia (51-0).

O Europe Championship feminino é o principal escalão europeu da modalidade, com exceção do torneio das Seis Nações.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+