Tempo
|
A+ / A-

VAR Bola Branca

Nota 3 para Rui Costa

25 jan, 2023 - 22:37

Recorde aqui o resumo da análise de Paulo Pereira, vídeoárbitro Bola Branca, à exibição da equipa de arbitragem em Leiria.

A+ / A-

O videoárbitro Bola Branca, Paulo Pereira, dá nota 3 a Rui Costa, árbitro do FC Porto – Académico Viseu, para as meias-finais da Taça da Liga.

O especialista da Renascença em arbitragem considera que o árbitro teve “uma arbitragem simples e equilibrada disciplinarmente”.

Na primeira parte, Rui Costa foi conservador e só mostrou um cartão amarelo, justo, a Toro, do Académico Viseu. Já Otávio, do FC Porto, foi o que mais protestou, mas não foi admoestado.

Já na segunda parte, o critério para os cartões foi “mais apertado” e teve logo dois amarelos mostrados nos minutos iniciais.

Danny Loader, dos dragões, caiu na área, mas foi simulação.

Bandeira fez falta dura sobre João Mário e viu bem o amarelo. Já o cartão para Clóvis foi injusto.

Por sua vez, André Almeida tocou com o braço na bola, mas estava em apoio na queda e, por isso, não foi – e bem – assinalada grande penalidade.

Por isso, nota 3 para o árbitro.

Dentro das quatro linhas, o FC Porto derrotou o Académico Viseu por 3-0 e está na final da Taça da Liga. Final no sábado contra o Sporting.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+