A+ / A-

Estoril chegou a acordo com Ferro, mas regulamento não permitiu contratação

03 fev, 2022 - 23:58 • Redação

Todos os dados foram contados por Pedro Alves, diretor desportivo dos canarinhos.

A+ / A-

O diretor desportivo do Estoril confirma que tinha acordo com Ferro para o empréstimo do jogador. Negócio não avançou porque Benfica já tinha máximo de atletas cedidos.

Pedro Alves, em declarações ao Canal 11, contou todos os pormenores: “Havia interesse total e tive autorização do Benfica para falar com o jogador e ele não queria ir para fora. Depois de um ano menos feliz no Valência, ele queria relançar a sua vida dentro de portas. Falei com o atleta, agente, chegámos a um 'entendimento'”.

No entanto, quando falou com o Benfica, Pedro Alves e os encarnados perceberam que a equipa da Luz já tinha atingido o limite (seis) de jogadores emprestados para esta época.

São estes: Nuno Santos (Paços),Tiago Dantas (Tondela), Tiago Araújo (Arouca), Vukotic (Boavista), João Ferreira (Vitória SC) e Chiquinho (Sp. Braga).

O diretor dos canarinhos aproveita para negar que Ferro tenha feito exames médicos.

Ferro foi, entretanto, cedido ao Hajduk Split, da Croácia.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+