Tempo
|
A+ / A-

"Se Deco ganhar braço de ferro com Laporta", os telefones de Conceição ou Amorim podem tocar

12 fev, 2024 - 15:25 • Redação

Na ressaca do ping pong entre Deco e Rúben Amorim sobre estofo, o jornalista da Cadena Ser Adriá Albets, que cobre o Barça, garante que o dirigente aprecia os treinadores português

A+ / A-

O Barcelona vai vivendo um caos, não só financeiro, como também desportivo, sobretudo depois do anúncio do abandono de Xavi no final da temporada. Deco é o diretor desportivo do gigante catalão e deu uma entrevista ao jornal português “Sol”, comentando a atualidade dos blaugrana, não fugindo ao tema da vaga no cargo de treinador.

Quando foi questionado sobre a possibilidade de ser um treinador português a substituir Xavi no comando técnico dos culés, o ex-futebolista confessou que “todas as hipóteses estão em cima da mesa”. Ainda assim, mesmo sem ninguém mencionar qualquer nome ou eventual alvo, o dirigente apontou a Rúben Amorim, o treinador do Sporting.

“Para já, todas as hipóteses estão sobre a mesa. Mas que treinador português? Quantos treinadores portugueses estão preparados para o peso e para a responsabilidade de tomarem conta do Barcelona, ainda por cima deste Barcelona com todas as dificuldades que carrega?”, perguntou ao jornalista que também se assume como amigo de longa data do ex-futebolista.

“Sei que o Rúben Amorim está a fazer um bom trabalho no Sporting e que, ainda por cima, joga com um estilo parecido com o nosso. Mas também tem muito pouca experiência…”, sentenciou.

No domingo, após a vitória por 5-0 contra o SC Braga, Rúben Amorim comentou as declarações do antigo jogador do FC Porto.

“Enquanto os meus não se lembrarem que eu sou inexperiente e que só tenho quatro anos como treinador, esse é o meu objetivo: voltar a ganhar titulos pelo Sporting.", disse o treinador na conferência de imprensa.

Na entrevista ao “Sol”, Deco admitiu ainda que o clube vive uma situação financeira “grave” e que foi por isso que o contrataram. “Não temos dinheiro para os investimentos que são feitos por outros clubes milionários e isso desmotiva qualquer treinador que venha para cá com a vontade de ganhar tudo e já. Não podemos dar-lhe os meios para isso, infelizmente. Não nesta fase.”

O especialista da Cadena Ser em Barcelona, Adriá Albets, afiançou esta tarde a Bola Branca que, se Deco "ganhar o braço de ferro" com o presidente Joan Laporta, “Sérgio Conceição ou Rúben Amorim podem ser os eleitos para treinar o colosso espanhol”.

E acrescentou: “O diretor para o futebol é que tem de propor o nome para o novo treinador, é a responsabilidade dele. Mas não vai ter a luz verde sem o OK do presidente. A opinião de Deco é definitiva. Provavelmente, se não existisse um presidente e se Laporta não interviesse na pasta do treinador, de certeza que Deco, pelo conhecimento que tem, podia eleger Sérgio Conceição ou Rúben Amorim. Têm perfis que são do agrado de Deco, sobretudo Conceição. Se dependesse só de Deco, a escolha ia para um destes dois nomes”.

A vaga para treinador do Barcelona ficou em aberto no dia 24 de janeiro, quando Xavi anunciou ao mundo que ia abandonar o clube com o qual ganhou tudo como futebolista.


Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+