Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Arsenal vence United com dois golos no descontos

03 set, 2023 - 23:37

"Gunners" venceram os "red devils", por 3-1, e estão na perseguição ao Manchester City.

A+ / A-

O Arsenal recebeu e venceu este domingo o Manchester United, por 3-1, na quarta jornada da Liga inglesa de futebol, com um final emocionante que teve um golo anulado aos 'red devils' e dois nos descontos para os 'gunners'.

O Manchester United colocou a bola no fundo das redes do Arsenal, aos 88 minutos, pelo extremo argentino Alejandro Garnacho, mas o videoárbitro não validou o golo por posição de fora de jogo, e a equipa londrina transformou o 1-1 que parecia inevitável em 3-1, graças a dois golos nos descontos, aos 90+6 e aos 90+11, respetivamente por Declan Rice, cuja contratação aos West Ham neste defeso custou 122 milhões de euros, e por Gabriel Jesus.

No último golo, numa jogada de contra-ataque, foi o internacional português Fábio Vieira a isolar o avançado brasileiro, com um passe precioso.

O Manchester United foi a primeira equipa a marcar, por Marcus Rashford, mas o Arsenal restabeleceu o empate um minuto depois pelo médio norueguês Martin Odegaard, que se manteria quase até final da partida, quando tudo se precipitou a favor dos londrinos.

Os internacionais portugueses Bruno Fernandes e Diogo Dalot, este na posição de lateral esquerdo, foram titulares e jogaram os 90 minutos com a camisola dos 'red devils', enquanto o seu compatriota Fábio Vieira foi lançado em campo nos londrinos, aos 77, a render o alemão Kai Havertz.

Com este triunfo, o Arsenal incorporou o quarteto formado por Tottenham, Liverpool e West Ham, todos com 10 pontos, que persegue o campeão em título Manchester City, que está isolado na liderança com 12 pontos, enquanto o Manchester United segue em 11º lugar, com seis.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+