A+ / A-

Conferência Bola Branca

Paulo Bento não tem preferência por clube ou seleção, mas continuará no estrangeiro

22 mai, 2023 - 16:44 • Redação

Técnico luso elogia a escolha de Roberto Martinez para a seleção portuguesa.

A+ / A-

O treinador Paulo Bento confirma que vai continuar a trabalhar fora do país. Aproveita para elogiar Roberto Martinez.

Em declarações à Renascença, à margem da Conferência Bola Branca, Paulo Bento garante não ter preferência entre clube ou seleção, como próximo projeto de trabalho.

“A minha carreira continuará fora do país. Não tenho preferência. A experiência que fui adquirindo ao longo do tempo e a felicidade que tive de puder exercer nos dois contextos na fase inicial da minha carreira: após o Sporting a seleção nacional, depois voltar a clubes e voltar à seleção na Coreia. Sinto que não tenho a dificuldade de me adaptar a qualquer uma delas ou de mudar de clube para seleção ou ao contrário”, referiu.

Já sobre a escolha de Roberto Martinez para a seleção portuguesa, Paulo Bento não tem dúvidas: “Boa escolha de um treinador de qualidade, experiente”.

“É um treinador com experiência nos dois contextos: treinou na Premier League e uma seleção de grande qualidade e com uma geração de jogadores extraordinária como a Bélgica. Uma escolha que foi boa, de um treinador de qualidade, experiente e que não deve fazer confusão por ser estrangeiro”.

Paulo Bento acrescenta: Martinez “deve ser julgado pela competência, pelo trabalho, pelos resultados e não pela nacionalidade. Nós também trabalhamos no estrangeiro e não somos poucos”.

O antigo selecionador português e da Coreia do Sul foi um dos convidados para a segunda conferência Bola Branca sobreTalento, Ética e Igualdade no Desporto”.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+