Emissão Renascença | Ouvir Online
A+ / A-

Liga das Nações feminina

Neto diz que "não chega ser consistente por 45 minutos", mas empate "seria mais justo"

27 out, 2023 - 20:22 • Redação

Selecionador alerta que é preciso melhorar na finalização e na consistência, depois da derrota (2-1) com a Áustria, a contar para a terceira jornada da Liga ads Nações feminina.

A+ / A-

Francisco Neto avisa que não basta jogar bem durante 45 minutos, depois da derrota de Portugal no terreno da Áustria, por 2-1, na terceira jornada do grupo A2 da Liga das Nações feminina. Ainda assim, o selecionador nacional considera que o empate teria sido o resultado mais justo.

Em declarações ao Canal 11, no final da partida, Neto destaca a "primeira parte dominadora" de Portugal, com "oportunidades suficientes para ir para o intervalo com outro resultado", e lamenta a quebra de rendimento nos segundos 45 minutos, em que a Áustria saltou para a frente.

"Não conseguimos equilibrar o jogo durante 30 minutos. A Áustria foi melhor que nós e marcou num lance fortuito, quando estava nitidamente por cima. Na parte final, conseguimos novamente pegar no jogo e equilibrar, voltámos a ter oportunidades. Um resultado injusto pelo que fizemos na primeira parte, mas a Áustria, pelo que fez na segunda parte, também mereceu os seus golos. O empate seria o mais justo", diz.

O selecionador explica o que correu mal na segunda parte:

"Não chegámos a tempo da pressão e não fomos capazes de ganhar a primeira e a segunda bola como fizemos na primeira parte. Isso permitiu que a Áustria se instalasse no nosso meio-campo e nós tivemos muitas dificuldades em reconhecer os espaços. Quando ganhávamos bola, estávamos sempre a perdê-la. A este nível é complicado."

Melhorar na finalização e não quebrar ao intervalo


Portugal volta a defrontar a Áustria na terça-feira, desta vez em casa. Francisco Neto avisa que a seleção tem de melhorar a finalização, mas não só: "Acima de tudo, ser consistente durante 90 minutos."

"Não chega ser consistente por 45 minutos mais dez ou 15 na segunda, hoje não foi suficiente. Vamos ter de crescer no jogo todo, nos 90 minutos, porque os pormenores podem matar uma equipa", adverte.

Com este resultado, a seleção nacional cai para o terceiro lugar do grupo A2, que obriga a disputar um "play-off" de manutenção na primeira divisão, com três pontos, menos um que a Áustria, que subiu a segunda.

Portugal-Áustria joga-se na terça-feira, na Póvoa de Varzim, às 18h15.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+