Tempo
|
A+ / A-

Portugal 3-1 Turquia

Otávio: "A partir do momento em que coloco a camisola da seleção é para dar tudo"

24 mar, 2022 - 22:09 • Redação

O jogador confessou-se "surpreendido" com a titularidade. Otávio esteve em destaque com um golo e uma assistência, na primeira parte.

A+ / A-

Otávio foi titular, abriu o marcador e ainda assistiu para o golo de Diogo Jota, na vitória de Portugal contra a Turquia, por 3-1.

Uma aposta que correu bem a Fernando Santos e que surpreendeu o médio.

"Fiquei surpreendido, não esperava, mas se precisar de mim, jogo em qualquer competição", disse, no final da partida, ouvido pela RTP.

"A partir do momento em que coloco a camisola da seleção é para dar tudo”, acrescentou.

Otávio antecipou ainda o jogo de terça-feira, contra a Macedónia do Norte, para decidir qual das duas seleções é que vai marcar presença no Mundial do Catar, e aponta que a seleção tem de estar "concentrada".

"Tivemos bem no jogo, ganhamos, estamos na final e queremos estar no Mundial. Temos jogadores de grande qualidade, vai dar certo”, assegurou.

Mais reações

Matheus Nunes

“Quero salientar o trabalho que toda a equipa fez desde o início do jogo. Estivemos sempre muito concentrados no que era a nossa ideia de jogo para conseguirmos a vitória. Agora temos de descansar e trabalhar para o jogo com a Macedónia do Norte. É uma equipa que merece todo o nosso respeito, para ganhar a Itália tem de ter qualidade e não podemos pensar que vai ser fácil”.

Danilo

“Tenho de conhecer muito bem o meu colega de setor para estarmos equilibrados. Acho que no cômputo geral estivemos bem, a equipa baixou o ritmo e pagou por isso, com o golo sofrido, mas não acho que tenha sido por mim e pelo Fonte», referiu Danilo, projetando a final com a Macedónia do Norte: “Não ficou nada surpreendido, a Macedónia fez uma grande fase de apuramento, é uma equipa muito organizada e combativa. Ter ganho não foi uma surpresa”.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+