Tempo
|
A+ / A-

Benfica

Roger Schmidt não espera perder Enzo Fernández após o Mundial

14 out, 2022 - 13:13 • Redação

O treinador do Benfica considera que o médio argentino "está no sítio certo para evoluir".

A+ / A-

Roger Schmidt está convicto de que Enzo Fernández vai continuar no Benfica, após o Campeonato do Mundo do Qatar. O médio argentino, contratado ao River Plate, tem sido uma das figuras da época encarnada e o seu nome já tem sido associado a interesse de gigantes europeus.

A presença na convocatória final de Scaloni, depois da estreia pela seleção argentina, é provável, mas, independentemente do que aconteça até ao fim do ano, o treinador do Benfica não está a contar perder Enzo em janeiro, na reabertura do mercado de transferências.

"Não acho que haja grande risco de perdermos o Enzo, depois do Mundial. Ele está no sítio certo para evoluir, ainda é muito jovem. Penso que será muito bom para ele e para nós se ele continuar no Benfica", afirma Roger Schmidt.

O médio, de 21 anos, foi titular nos 17 jogos oficiais realizados pelo Benfica esta temporada. Tem três golos e uma assistência. Já cativou o treinador, mas também o seu filho, que esteve em Paris, no Parque dos Princípes, ao lado da mãe, a apoiar o Benfica, como uma camisola de Enzo Fernández.

"O meu filho gosta do estilo de jogar do Enzo, como eu e vocês", comentou o treinador. Com tantos jogos nas pernas, a que se juntam os que já traz do River Plate (28), Enzo poderá ser poupado no jogo com o Caldas, sábado, para a 3.ª eliminatória da Taça da Portugal. Roger Schmidt não revela se vai dar descanso ao argentino.

"Não vou anunciar o alinhamento. O Enzo está em boa forma, está fresco. Ele é novo, não será um problema para ele jogar", respondeu.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+