Tempo
|
A+ / A-

Eleições no Benfica

Votaram mais de 40 mil sócios no Benfica. Fila encerrada

09 out, 2021 - 08:36 • Redação

As águias elegem este sábado o seu 34.º presidente. Os candidatos à sucessão de Luís Filipe Vieira são Rui Costa, pela lista A, e Francisco Benitez, pela lista B.

A+ / A-
Benfica/Eleições: Eleições para os órgãos sociais do Benfica. Foto: António Pedro Santos/Lusa
Benfica/Eleições: Eleições para os órgãos sociais do Benfica. Foto: António Pedro Santos/Lusa

As urnas fecharam às 22h13 e votaram 40.085 sócios nas eleições do Benfica. Esta já é a maior votação de sempre. O anterior recorde era de 38.102 votos (outubro de 2020).

Foram 25 os locais de voto em todos os distritos. Os sócios nas ilhas votaram por voto eletrónico.

As águias elegem este sábado o seu 34.º presidente. Os candidatos à sucessão de Luís Filipe Vieira são Rui Costa, pela lista A, e Francisco Benitez, pela lista B.

RUI COSTA, candidato da lista A, referiu: "Sou tão benfiquista na cadeira da presidência como na cadeira do estádio. Portanto, a união é algo a que todos temos de apelar, porque o Benfica é só um. Independentemente de quem ganhe, a preocupação será unir o clube, até porque todos sabemos a força que temos quando estamos unidos”.

FRANCISCO BENITEZ, candidato da lista B, admite apoiar Rui Costa, se este vencer as eleições, e "se ele cumprir aquilo que prometeu durante as eleições, ou seja, trazer mais transparência para o Benfica, trazer mais democracia para o Benfica, e ser mais ambicioso, aí, obviamente, terá todo o meu apoio. Se não o fizer, terá a minha crítica”.

António Pires Andrade, presidente da Mesa da Assembleia Geral, confirma recorde de votantes: "Obrigado a todos os sócios que votaram e ainda temos uma hora e tal para que o recorde seja ainda mais elevado. A leitura que faço é muito positiva, os sócios responderam ao apelo. Víamos a alegria com que as pessoas iam votar, não houve problemas de maior, salvo alguns momentos em que a fila podia ter demorado 25 minutos até ao ponto de voto, mas tirando isso fiuncionou muito bem. Existiram poucos problemas, um ou outro sócio sem cartão que o identificasse, mas resolveu-se. Agradeço a todos os sócios que vieram votar e aos meios de comunicação pelo que desenvolveram hoje e nos outros dias."

Luís Filipe Vieira foi votar, à chegada, foi recebido com insultos por parte de alguns adeptos que se encontravam no pavilhão e a confusão obrigou à intervenção da PSP. "A única coisa que quero adiantar a todos os benfiquistas é que não lesei e nunca roubei o Benfica".

O Movimento "Servir o Benfica", que está na génese da candidatura de Benitez, emitiu já esta tarde um comunicado acusando Luís Filipe Vieira de ter violado os estatutos ao ter declarado publicamente que votou na lista de Rui Costa.

"O Servir o Benfica repudia cabalmente as declarações do ex-Presidente da Direcção e ainda sócio do Sport Lisboa e Benfica, realçando que o mesmo acaba de violar gravemente o artigo 30o, n.2 do Regulamento Eleitoral, a favor do candidato da Lista A".

João Leite, mandatário da Lista B, garante que vai ser apresentada queixa também porque se queixam que alguns dos seus delegados em algumas casas não foram autorizados a votar.

Manuel Vilarinho, ex-presidente do Benfica: "Em períodos de crise, penso que antigos dirigentes e quem não faz parte do clube, em termos de organização e gestão, não deviam falar tanto para a imprensa. Não adiantam nada, só atrasam e quem sofre é o Benfica".

Manuel Damásio, ex-presidente do Benfica: "O importante é que o Benfica esteja unido porque vamos ter muitos desafios pela frente. Qualquer um dos candidatos vai garantir a todos os sócios que as infraestruturas se vão manter, que as coisas que estão bem-feitas se vão manter e que as coisas que estão mal feitas vão ser ratificadas. Isto é o Benfica e estou muito contente pelas eleições estarem a ter uma afluência muito boa".

Noronha Lopes, candidato à presidência do Benfica em outubro de 2020: "Estou satisfeito que as eleições estejam a decorrer com normalidade, acho que é uma prova de vitalidade do clube e espero que o Benfica saia ainda mais forte. É isto que os sócios pretendem".

Fernando Seara, candidato à presidente da mesa da Assembleia Geral do Benfica na lista de Rui Costa: "Cada vez que se fala do Benfica assumimos a paixão. Nunca deixamos de sentir o Benfica cada benquista, homem, mulher avô ou neto está aqui para votar porque o Benfica foi sempre paixão. Espero que o Rui Costa ganhe. Estamos todos cientes da nossa responsabilidade".

Toni, ex-jogador, ex-treinador e ex-dirigente: "Um Benfica unido será sempre mais forte. Em momentos tão importantes como este até porque se dá valor à democracia. Os sócios fazem isto por questão de marcarem a presença e a grandeza do clube. Vão e votam seja aqui ou noutros lugares espalhados pelo país, daí os números. Este é o ADN do adepto do Benfica de marcar presença no dia das eleições"

Luisão, diretor técnico e de performance, votou e diz estar a torcer por “um dia sem incidentes”, apelando à união. “Espero um futuro de muito trabalho e de vitórias, o Benfica vem sempre primeiro”.

Rui Gomes da Silva, antigo vice-presidente e candidato às eleições de 2020, prevê um novo ato eleitoral daqui a ano e meio. “Rui Costa merece esta oportunidade. O próximo ciclo é um ciclo muito exigente, onde vamos discutir direitos televisivos, o futuro do Benfica como clube da Europa ou grande clube de Portugal, o ano em que vamos ter de discutir se o Benfica é ou não vendido. Se querem a minha previsão, daqui a ano e meio estaremos cá outra vez com o Benfica numa grande crise. Espero não ter razão como tive há um ano”, afirmou.

Ricardo Araújo Pereira, apoiante do candidato da lista B, criticou Rui Costa. “Há uma série de coisas que me parece que - é impossível negar - aconteceram por ação ou omissão de Rui Costa, e o meu voto é o resultado disso”, disse o humorista, considerando que o ex-futebolista patrocinou “uma estratégia de ziguezagues” a que “não quis, ou não soube, impor-se”.

Simão Sabrosa, diretor de relações internacionais do Benfica, apelou ao voto. “Os sócios fazem-me voltar ao tempo que em era jogador... tenho sentido carinho. Apelo a que venham votar para que possam escolher”, disse à BTV.

O treinador também já exerceu o seu direito de voto. Jorge Jesus entrou no Pavilhão nº 2 da Luz, acompanhado de Rui Pedro Braz e Nuno Farinha, elementos da estrutura do futebol profissional.

[notícia atualizada às 22h23]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+