Emissão Renascença | Ouvir Online
Ribeiro Cristovão
Opinião de Ribeiro Cristovão
A+ / A-

A imprevista final da Taça da Liga

29 jan, 2024 • Opinião de Ribeiro Cristovão


O vencedor da primeira competição oficial da temporada reforça a sua endurance para um campeonato que ainda está a meio.

Sporting de Braga e Estoril Praia devem ambos ser envolvidos numa grande manifestação de apreço, primeiro pelo facto de terem conseguido o apuramento para a final da Taça da Liga, depois por terem sido capazes de oferecer, no estádio de Leiria, um espetáculo de grande qualidade que só terminou com a sempre aleatória marcação de grandes penalidades a que chegou o jogo, empatado ao cabo de intensos noventa minutos.

Foi mais competente a formação minhota, tendo transformado com sucesso todas as penalidades, enquanto os canarinhos falharam a última das cinco que lhes foram concedidas.

Ganhou, por isso, a equipa minhota o troféu, que no seu museu junta agora a outros dois iguais, que já tinha conquistado em anos passados.

Esta muito justa final representou igualmente uma lição para os dois baluartes lisboetas, Sporting e Benfica que, embora tidos como grandes favoritos para chegar à final, acabaram por sucumbir nos dois jogos a meio da semana, nas meias-finais

Os leões foram eliminados pelos bracarenses, num jogo em que lhes faltou sobretudo eficácia, enquanto as águias foram alvos de um afastamento mais doloroso, frente a um adversário que já deixara avisos muito sérios através de duas vitórias recentes sobre o Futebol Clube do Porto.

O vencedor da primeira competição oficial da temporada reforça assim a sua endurance para um campeonato que ainda está a meio, não obstante de nesta altura estar em quarto lugar na tabela, a considerável distância, dez pontos, do líder da classificação.

E esse líder tem hoje mais uma prova de fogo, frente ao Casa Pia, ainda que jogando no seu estádio. Estando no primeiro lugar, essa é também sempre a posição mais incómoda, já que é, por norma, o mais perseguido de qualquer campeonato.

Antes, ao principio da tarde de hoje, o Benfica joga na Reboleira para ali defrontar o Estrela da Amadora, um jogo igualmente a exigir especiais cuidados, e depois de o Futebol Clube do Porto já se ter desembaraçado do Farense, após um jogo cujo desfecho não deixou dúvidas de espécie alguma.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.