Emissão Renascença | Ouvir Online
João Duque n´As Três da Manhã
Terças e quintas-feiras, às 9h20, n'As Três da Manhã
A+ / A-
Arquivo
Desafios do novo Governo? Garantir investimento privado previsto vai ser “dificil”

João Duque

Desafios do novo Governo? Garantir investimento privado previsto vai ser “dificil”

02 abr, 2024 • Sérgio Costa , Cristina Nascimento


Comentador da Renascença avisa também que é preciso cumprir promessas que foram feitas, nomeadamente na área da saúde, nas forças de segurança e aos professores.

O economista João Duque antecipa que o principal problema que o novo Governo vai enfrentar será garantir o investimento privado previsto nos cenários de crescimento económico progressivo nos próximos anos.

"O investimento fundava grande parte deste crescimento. Da parte da despesa é mais fácil obter-se e sei que a despesa é o principal componente do PIB, mas tenho alguma dúvida que, de facto, se consiga aquele valor por via do investimento", diz o comentador da Renascença, no espaço de opinião das "Três da Manhã".

João Duque justifica a dificuldade em garantir o investimento privado com a instabilidade política e governativa.

Duque considera que "um investidor privado, olhando para o Parlamento tal como está e olhando para a instabilidade e dificuldade de comprometimento de um Parlamento face a medidas que deviam ser duradouras" vai concluir que o cenário "não é muito atrativo e o investimento é adiado”.

Neste espaço de comentário, João Duque lembra ainda que é preciso que o novo Governo satisfaça as promessas feitas durante a campanha, nomeadamente para com os profissionais na área da saúde, das forças de segurança e professores, lembrando que não foi só a AD que fez promessas, o PS e o Chega também.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.