Henrique Raposo n´As Três da Manhã
Segundas e sexta-feiras, às 9h20, n'As Três da Manhã
A+ / A-
Arquivo
Atenuar impacto da inflação “não pode ser dar uma vez 125 euros e não dizer mais nada”

Henrique Raposo

Atenuar impacto da inflação “não pode ser dar uma vez 125 euros e não dizer mais nada”

26 out, 2022 • Miguel Coelho , Cristina Nascimento


Comentador da Renascença olha para as crescentes dificuldades dos portugueses no setor do habitação por via do aumento da taxa de juro, subida do valor das casas e escalada de preços dos bens essenciais.

O comentador da Renascença Henrique Raposo considera que a ajuda do Governo para mitigar os efeitos da alta inflação devem ser mais abrangentes. “Não pode ser dar uma vez 125 euros e não dizer mais nada”, afirmou no espaço de comentário do programa "Três da Manhã".

Neste espaço. Henrique Raposo olhou para as crescentes dificuldades dos portugueses no setor do habitação por via do aumento da taxa de juro, subida do valor das casas e escalada de preços dos bens essenciais, dizendo que a classe média é uma das mais afetadas.

Raposo alude ao regime de isenção fiscal a "ricos estrangeiros", especificando que "um pensionista paga 10% e um trabalhador 20%. Em Portugal alguém com aquele nível de rendimentos paga quase 50%", o que constitui "um duplo cerco à classe média portuguesa".

Na área da habitação, Raposo diz que "o mercado serve a comunidade e neste caso é a comunidade, somos nós, os portugueses, que estamos a servir o mercado".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.