Emissão Renascença | Ouvir Online
Explicador Renascença
As respostas às questões que importam sobre os temas que nos importam.
A+ / A-
Arquivo
O que é que causou o incêndio que consumiu prédio em Valência?
Ouça o Explicador Renascença

Explicador Renascença

O que é que causou o incêndio que consumiu prédio em Valência?

23 fev, 2024 • André Rodrigues , Hugo Monteiro


Várias testemunhas indicam que as as chamas terão deflagrado num dos pisos do edifício de 14 andares, que estava revestido com poliuretano, que é um material altamente inflamável.

Pelo menos quatro mortos e 14 feridos é o mais recente balanço do grande incêndio que deflagrou esta quinta-feira em Valência, Espanha, que consumiu dois edifícios de habitação.

Dezanove pessoas estão dadas como desaparecidas, avança o jornal El Mundo.

O Explicador Renascença esclarece o que já se sabe da origem do incêndio.

O que é que se passou?

Nesta altura, sabemos que há quatro mortos, 14 feridos e 19 desaparecidos. Mas este número, naturalmente, está em aberto, uma vez que continuam as operações de resgate e é muito provável, como sempre nestas situações, que o número de vítimas continue a subir nas próximas horas. Mas este é o balanço mais atualizado: quatro mortos, 14 feridos, 19 desaparecidos.

As quatro vítimas mortais foram detetadas por um drone dos bombeiros numa varanda e no interior de um apartamento. Entre os feridos, estão seis bombeiros que estiveram no combate às chamas que, entretanto, já foram dominadas.

Que edificio é este?

É um complexo habitacional constituído por dois edifícios contíguos, um com 14 andares, outro com 10, com uma torre que faz a ligação entre os dois.

No total, 138 apartamentos e cerca de 500 moradores. Ficou completamente destruído.

E as autoridades de Valência decretaram luto municipal em memória das vítimas

Quais as causas do incêndio?

Por enquanto, são ainda escassas as informações e as explicações para o sucedido. Contudo, várias testemunhas indicam que as as chamas terão deflagrado num dos pisos do edifício de 14 andares, que estava revestido com poliuretano, que é um material altamente inflamável.

A ajudar a propagação das chamas, o vento forte que se fez sentir esta quinta-feira em Valência, tudo isso acabou por criar as condições para esta tragédia.

O fogo rapidamente propagou-se e acabou por atingir o edifício vizinho.

E este incêndio foi de tal dimensão que as chamas e o fumo eram visíveis a muitos quilómetros de distância.

Ainda há operações a decorrer?

Há esta manhã e seguramente nas próximas horas e dias. São operações de busca pelos 19 desaparecidos.

Um trabalho conjunto entre as autoridades valencianas e as famílias dos moradores. Também há trabalhos a decorrer no interior dos edifícios - que demoraram a iniciar-se, uma vez que as fachadas estavam de tal forma quentes que não permitiam a entrada dos bombeiros no edifício.

Por outro lado, está a ser analisada a estrutura do complexo residencial - para avaliar o risco de derrocada. Há centenas de desalojados.

Que casos semelhantes já aconteceram?

Felizmente, não são comuns. Mas este incêndio em Valência trouxe logo à memória o incêndio de 2017 na torre Grenfell, em Londres.

O fogo consumiu um edifício de 23 andares - Morreram 72 pessoas no incêndio. Mais de 200 ficaram desalojadas, num prédio habitado maioritariamente por imigrantes.

As investigações permitiram perceber que a tragédia poderia ter sido evitada se o edifício não tivesse um revestimento inflamável - estratégia seguida no processo de construção para diminuir os custos.

No entanto, ainda ninguém foi responsabilizado pelo incêndio.

Quanto vamos poupar em IRS?
Como é que os bancos cobraram oito milhões de euros indevidos a clientes em 2023?
Fatura da luz pode aumentar. Porquê?
Atenção à fraude nas transferências bancárias. O que está a acontecer?
Relação esvaziou Operação Influencer?
Por que é que a adesão à estabilização de encargos com a compra da casa foi mais baixa que o estimado?
Porque há um valor mínimo para receber reembolso do IRS?
O que é que acontece se um clube não cumprir o fair-play financeiro da UEFA?
Afinal, qual é o valor da redução de IRS prevista pelo atual Governo?
Qual o impacto do Programa de Governo na sua carteira?
O novo Governo traz novidades no setor da habitação. O que muda?
Bispos aprovam indemnizações às vítimas de abuso. Mas quando e a quem podem pedir?
Como vai funcionar o suplemento remunerativo solidário, uma das novidades do programa do Governo?
Afinal o que diz o programa do Governo?
ADSE atualizou preços, mas não avisou beneficiários. O que muda?
Hospitais obrigados a permitir acompanhamento de idosos?
As avaliações nas escolas vão ou não ser feitas em modo digital?
Febre do eclipse solar. O que se vai passar na América?
Israel estará prestes a aceitar um cessar-fogo em Gaza. Quais são as condições?
Secretária de Estado recebeu indemnização da CP. O que sabemos?
Livro Verde da Segurança Social propõe fim da reforma aos 57 anos. Que proposta é esta?
Houve ilegalidade no caso das gémeas?
PSD pode continuar a governar mesmo que o Orçamento do Estado seja chumbado?
Estamos a consumir mais droga e álcool em Portugal?
Qual foi o desafio de Montenegro aos partidos para combater a corrupção?
Novo Governo toma posse esta terça-feira. E depois?
Reembolsos do IRS podem ser menores este ano?
O que causou os constrangimentos nas urgências de obstetrícia este fim de semana?
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.