Siga-nos no Whatsapp
Explicador Renascença
As respostas às questões que importam sobre os temas que nos importam.
A+ / A-
Arquivo
Cabaz alimentar mais caro do que antes do IVA Zero

Explicador Renascença

Cabaz alimentar mais caro do que antes do IVA Zero. Que produtos subiram mais?

16 nov, 2023 • Fátima Casanova


Pelas contas da DECO PROTeste, o cabaz alimentar ultrapassou os 140 euros, pela primeira vez desde abril, altura em que foi implementada a medida do IVA Zero. Brócolos e laranjas, foram os alimentos que tiveram o maior aumento: acima dos 50%, em sete meses.

O cabaz alimentar custa agora 140,07 euros, mais 1,30 euros do que na véspera da entrada em vigor do IVA Zero. As contas são da DECO PROTeste, que está a monitorizar os preços de 63 bens alimentares, 41 deles que estão a beneficiar do IVA Zero.

Quais os alimentos que tiveram maiores aumentos de preço, desde abril, altura em que entrou em vigor o IVA Zero?

Foram os brócolos e as laranjas, que tiveram um aumento acima dos 50%, em sete meses.

Os brócolos, por exemplo, passaram de €2,41, para €3,78, isto é, um agravamento de 57%.

O preço das laranjas aumentou 52%, de €1,37, para €2,09.

Outros alimentos que tiveram subidas significativas desde abril, na ordem dos dois dígitos percentuais, foram: o azeite virgem extra (33%), a pescada fresca (23%), a couve-flor (18%) e a alface frisada (17%).

Quais os alimentos que aumentaram menos, desde abril?

A massa espiral, que subiu 5% ( €1,37 para €1,44) e a maçã golden, que subiu 6% (€1,79 para €1,89).

Desde o início do ano, qual o produto alimentar que aumentou mais?

De acordo com a Deco/Proteste, o azeite virgem extra é o produto alimentar que mais subiu desde o início deste ano, dos mais de 60 que tem vindo a monitorizar.

O azeite virgem extra sofreu um agravamento de 69%, passando de €5,92 para €10,01, por litro.

Qual a tendência dos preços para as próximas semanas?

A tendência é de subida, porque o preço do cabaz de bens alimentares tem estado a subir desde o início de setembro.

Nessa altura o cabaz desceu ao valor mais baixo do ano: custava 125 euros, ou seja, menos 15 euros do que agora.

Para a porta-voz da Deco/Proteste, a poupança conseguida com o IVA Zero já foi engolida pela inflação.

Entrevistada pela Renascença, Rita Rodrigues disse acreditar que até ao final do ano vai continuar a haver uma pressão grande para o aumento de preços e com a reintrodução do IVA em janeiro, vai haver um aumento automático de mais 6% , nas 44 categorias de produtos que estavam abrangidas pela medida.

A medida vai ser prolongada?

Não, a medida não consta do Orçamento do Estado para o próximo ano. De recordar que o ministro das Finanças em outubro, quando apresentou a proposta orçamental disse que a opção do governo passa agora por beneficiar só as famílias que precisam e nesse sentido o governo quer apostar num aumenta do valor das prestações sociais.

Reciclar e ganhar. Quanto pode valer a sua garrafa?
EUA. Joe Biden desistir das Presidenciais está a tornar-se um cenário provável?
Provas de aferição passam a Provas de Monitorização da Aprendizagem. O que muda?
Por que é que os Jogos Olímpicos podem levar a mais casos de dengue na Europa?
Caso das vacinas pode ameaçar reeleição de Von der Leyen?
Há cada vez mais portugueses sem médico de família atribuído. O que dizem os dados?
Perdeu a carteira? Governo anuncia novos serviços digitais
Alunos sem professores é uma situação recorrente. Porquê?
Cartão social. O que é e que famílias vão ter direito a ele?
Ataque contra Donald Trump. Que influência pode ter na campanha?
Por que é que os resultados dos rankings são todos diferentes?
O que se sabe sobre a nova estirpe da “varíola dos macacos”?
Portugal tem a população mais envelhecida da UE?
Portugal registou uma quebra de nascimentos no primeiro semestre do ano. Quais são os dados?
Quantos milionários há em Portugal?
O que prevê o novo acordo do Governo com os polícias?
Qual é o objetivo da cimeira da NATO?
Quem é que a PGR acusou de orquestrar uma campanha contra o Ministério Público?
Turismo. Quem escolhe Portugal para passar férias e quanto gastam os portugueses quando viajam?
Nova Frente Popular. O que é a união das esquerdas que venceu em França?
Ronaldo pode ser castigado por "marketing de emboscada". A culpa é do ritmo cardíaco
Eleições no Reino Unido. Os trabalhistas podem ganhar estas eleições?
O que é que Lucília Gago vai esclarecer no Parlamento?
Bolsas para alunos do ensino superior. Conheça as novidades
Por que é que continua a haver muitos votos desperdiçados?
200 mil utentes retirados da lista dos centros de saúde. O que se passa?
O Governo quer responsabilizar as administrações hospitalares pelas listas de espera de cirurgias. Como assim?
Os portugueses queixam-se de quê no livro de reclamações eletrónico?
Eleições em França. Como funciona a segunda volta?
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.