Tempo
|
Explicador Renascença
As respostas às questões que importam sobre os temas que nos importam.
A+ / A-
Arquivo
Alexandra Reis quer devolver indemnização da TAP. Por que é que ainda não o fez?

EXPLICADOR RENASCENÇA

Alexandra Reis quer devolver indemnização da TAP. Por que é que ainda não o fez?

06 abr, 2023 • Hugo Monteiro , Manuela Pires


A antiga administradora da companhia aérea sublinhou ter pedido informações sobre a devolução da compensação de 500 mil euros por três vezes, mas ainda não terá obtido qualquer resposta da parte da TAP.

Esta quarta-feira, a ex-secretária de Estado Alexandra Reis esteve no Parlamento para responder às questões dos deputados sobre a indemnização que recebeu na saída da TAP.

Na comissão de inquérito, a antiga administradora da companhia aérea disse querer devolver a compensação de meio milhão de euros.

Por que é que ainda não o fez?

Porque a TAP ainda não terá dito como o fazer. Perante os deputados, Alexandra Reis afirmou já ter contactado a empresa pelo menos três vezes para devolver a indemnização - nomeadamente para saber qual o valor exato que terá de entregar -, mas ainda não obteve qualquer resposta.

A ex-gestora assumiu que não concorda com os argumentos da Inspeção-Geral das Finanças (IGF), que considerou a indemnização de 500 mil euros paga pela TAP ilegal, mas que, ainda assim, quero devolver a verba.

Está há um mês a aguardar que a informem como deve proceder.

De quem partiu a iniciativa de despedir Alexandra Reis da TAP?

Alexandra Reis revelou que essa intenção partiu da ainda presidente executiva da companhia aérea. Terá sido Christine Ourmières-Widener a convidá-la a deixar a empresa a 25 de janeiro de 2022 - e que iria contactar uma sociedade de advogados para tratar do processo.

Logo no dia seguinte Alexandra Reis terá chegado a acordo para sair da TAP, até porque, diz a ex-gestora, não queria criar problemas institucionais na empresa.

Não houve intervenção do Governo?

Alexandra Reis afirmou que não falou com Fernando Medina sobre a saída da TAP.

Por outro lado, garantiu aos deputados que, se na altura o então ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, lhe tivesse pedido para renunciar ao cargo sem qualquer indemnização, ela teria aceitado, saindo da empresa sem qualquer contrapartida.

Como é que depois surgiu o convite para integrar o Governo como secretária de Estado do Tesouro?

A ex-secretária de Estado presumiu que tenha sido pelo facto de conhecer muitas pessoas na Direção-Geral do Tesouro. Terá sido dessa forma que Fernando Medina chegou ao seu nome.

Na comissão de inquérito, Alexandra Reis assegurou ainda que, na primeira reunião que teve com o ministro das Finanças, falaram sobre os projetos para a pasta do Tesouro, mas nunca sobre a TAP, nem sobre a saída da companhia aérea, nem sobre a polémica indemnização.

No entanto, confessou ter estranhado que Medina conhecesse as razões para a sua saída da TAP sem ter conhecimento da indemnização de 500 mil euros.

A CEO da TAP admitiu sentir uma forte pressão política na gestão da companhia. Alexandra Reis também?

Não. Alexandra Reis realçou que não sentiu grande escrutínio público. A antiga administradora da empresa reconheceu que a TAP tem sempre um nível de atenção muito grande da parte dos média, mas nunca sentiu qualquer interferência política na tomada de decisões.

A ex-secretária de Estado acrescentou ainda que não reuniu com nenhum membro do Governo ou deputado antes da comissão parlamentar de inquérito, ao contrário do polémico encontro que Christine Ourmières-Widener admite ter tido com o grupo parlamentar socialista, antes da comissão de inquérito de 18 de janeiro deste ano.

Como evitar burlas no arrendamento de casas?
O que é que causou o incêndio que consumiu prédio em Valência?
Quais são os problemas no atendimento ao cidadão?
Quem vai estar dispensado de preencher o IRS?
Por que é que o sarampo se está a propagar rapidamente?
Julian Assange vai ser extraditado para os EUA?
Protesto dos polícias no Capitólio foi autorizado?
Missão militar europeia no Mar Vermelho. Quais são os meios e os objetivos?
O que é que fez o endividamento das famílias quadruplicar desde 2015?
Morreu Alexei Navalny. O que se sabe até agora?
Julgamento de suspeito do rapto de Maddie McCann está relacionado com o caso?
Madeira. O que é que vai acontecer agora que os três detidos foram libertados?
Já é possível ter o cartão de cidadão e a carta de condução no telemóvel. Como é que funciona?
Vai ser possível consultar online as declarações de rendimentos e património dos políticos. Que plataforma é esta?
A Meta vai limitar o acesso a sugestões de conteúdo político nas redes sociais. O que é que isto significa?
Presencial, correspondência ou antecipado. Como votar nas eleições legislativas?
Por que é que as televisões recusaram debates com Nuno Melo a representar a AD?
Abandono escolar aumenta em Portugal. Porquê?
Por que é que há bancos a bloquear as contas dos clientes?
Baixas médicas e fim de grupo operacional. O que se passa na PSP?
A PSP está a investigar a própria PSP por suspeitas de fraude?
Quem é o pirata português procurado nos EUA?
Existe uma relação contratual entre um estafeta e a Uber Eats?
Dengue deixa Rio de Janeiro em estado de emergência. A culpa é do mosquito?
Os protestos dos polícias podem impedir as eleições legislativas?
O que sabemos da manifestação anti-Islão?
Cessar-fogo à vista. Aproxima-se o fim da guerra entre Israel e Hamas?
Agricultores protestam e cortam estradas em Portugal. Porquê?
Telecomunicações mais caras. Por que é que os preços voltam a aumentar?
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Petervlg
    06 abr, 2023 Trofa 13:50
    até onde vão os lobbys do PS?