Explicador Renascença
As respostas às questões que importam sobre os temas que nos importam.
A+ / A-
Arquivo
Xi visita Putin. Que papel pode ter a China na guerra na Ucrânia?

EXPLICADOR RENASCENÇA

Xi visita Putin. Que papel pode ter a China na guerra na Ucrânia?

20 mar, 2023 • André Rodrigues , Pedro Valente Lima


Esta segunda-feira, o Presidente chinês inicia a sua visita oficial a Moscovo, onde se encontrará com Vladimir Putin, poucos dias depois de o líder russo ser alvo de um mandado de detenção internacional. China procura estreitar laços com a Rússia, num momento em que se procura impor como mediador da paz na Ucrânia

O Presidente chinês inicia esta segunda-feira uma visita à Rússia, vista por vários analistas como o início de uma nova era na relação entre os dois países.

Xi Jinping encontra-se com o seu homólogo russo, Vladimir Putin, em Moscovo, numa altura em que a China se voluntaria a mediar as possíveis negociações de paz na Ucrânia.

Que importância é que poderá ter esta visita?

Há, desde logo, duas dimensões a ter em conta. A primeira é que Moscovo e Pequim estão dispostas a reforçar o seu relacionamento bilateral. Esta postura mostra-se significativa, tendo em conta que Xi Jinping é o primeiro chefe de Estado a visitar a Rússia depois de emitido o mandado de captura a Vladimir Putin.

Aliás, este domingo, antecipando já o encontro com o seu homólogo chinês, o Presidente russo elogiou as relações entre os dois países, que, segundo disse Putin, estão no seu ponto mais alto.

Por outro lado, o líder russo saudou "a vontade da China de desempenhar um papel construtivo na resolução" da guerra. Afinal, já se sabe da intenção de Pequim se oferecer como mediador para a paz entre Rússia e Ucrânia.

Quão próximas estão China e Rússia?

O recente estreitamento de relações entre ambos os países tem início pouco antes da invasão russa à Ucrânia.

A propósito da visita de Putin a Pequim, na última edição dos Jogos Olímpicos de Inverno, realizados em fevereiro de 2022 na China, os países fecharam uma parceria "sem limites".

Desde então, Rússia e China continuam a reafirmar a força dos seus laços. O comércio entre os dois países disparou desde o início da guerra, sobretudo depois de o Ocidente ter imposto sanções económicas pesadas a Moscovo.

Neste momento, Pequim é o maior comprador de petróleo russo, revelando-se uma importante fonte de receitas para a Rússia.

O encontro acontece depois de Putin ser alvo de um mandado de captura internacional. O que está em causa?

O Presidente russo foi acusado pelo Tribunal Penal Internacional (TPI) de ter dado ordens para a deportação ilegal de cidadãos ucranianos para território da Federação Russa.

A acusação mais grave prende-se com a transferência ilegal de crianças. Por essa mesma razão, o TPI emitiu, também, um mandado de prisão para a comissária presidencial para os Direitos da Infância.

Tendo em conta as suspeitas de crimes de guerra que recaem sobre Moscovo, como os massacres em Bucha ou Mariupol, o TPI reconhece que a a deportação ilegal poderá configurar uma acusação menor. Contudo, segundo os procuradores, é a que reúne mais provas factuais capazes de justificar a emissão de um mandado de prisão.

Vladimir Putin pode mesmo ser preso e levado a tribunal?

Poder, pode, mas será muito difícil que tal venha a acontecer. Desde logo, porque o TPI não tem uma força policial própria e depende exclusivamente da cooperação entre Estados.

Ou seja, na prática, o Presidente russo apenas poderá ser detido se viajar para um dos 123 países que assinaram o tratado internacional que fundou este tribunal, com competência para julgar chefes de Estado e de Governo acusados de crimes internacionais.

Se tal acontecer, Putin será preso e transferido para Haia, nos Países Baixos, onde será julgado posteriormente.

No entanto, o cenário mais credível é o de que Putin não se sentará no banco dos réus. É praticamente um dado adquirido que não será preso enquanto estiver no poder.

Como é que a Rússia reagiu a este mandado de detenção?

Como seria de esperar, o Kremlin negou todas as acusações. De resto, a porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros russo classificou como insignificante esta decisão do Tribunal Penal Internacional.

De recordar que a Rússia retirou a sua assinatura do Estatuto de Roma, tratado que estabeleceu a criação do TPI. Logo, do ponto de vista de Moscovo, as decisões deste tribunal não têm qualquer validade jurídica.

Ainda assim, esta decisão do TPI pode influenciar a guerra na Ucrânia?

Pode influenciar, mas não necessariamente no sentido de acelerar a paz. Vários analistas chegam a considerar que possa contribuir para um prolongamento do conflito ao isolar ainda mais o Presidente russo.

Ou seja, a esperança de uma paz negociada pode tornar-se mais difícil, com esta ação do TPI capaz de catalisar a determinação de Vladimir Putin em manter a ofensiva russa na Ucrânia.

Quase 100 mil eleitores já se inscreveram para o voto antecipado. Como funciona?
​O que sabemos da visita de Zelensky a Portugal?
JPP é a surpresa das eleições na Madeira. Afinal, que partido é este?
Imprimir o bilhete? Ir a pé ou de carro? O que precisa de saber para o concerto de Taylor Swift
O que prevê o pacote do Governo de apoio aos jovens?
Governo alivia restrições ao consumo de água. A seca desagravou?
Portugal vai reconhecer a Palestina?
Professores. Por que é que há sindicatos que não aceitaram o acordo do Governo?
O que diz o acordo entre professores e o Governo?
Por que é que o Tribunal Penal Internacional pede mandado de captura a Netanyahu?
Quais são as novas regras das transferências bancárias?
Visita "Ad Limina": o que é e em que consiste?
Devia Aguiar-Branco ter reprimido Ventura no Parlamento?
Cristo Rei faz 65 anos. O que sabemos sobre este monumento?
O que esperar do acordo para reduzir o valor do IRS?
Afinal, o Papa vai ou não a Niceia?
O que motivou o ataque ao primeiro-ministro da Eslováquia?
Risco de pobreza aumentou em 2023. Quem são as famílias em maior risco?
Aeroporto Luís de Camões. É desta que a obra é feita?
Porque vai a eletricidade ficar mais cara em junho?
Os Super Dragões terão ficado com bilhetes para benefício próprio?
Hospitais com falhas em medicamento usado para tratar cancro. O que está a ser feito?
Como aceder ao complemento solidário para idosos?
Subida de 50 euros no CSI. Quando é que idosos começam a receber os aumentos?
Por que é que estão a aumentar os casos de tosse convulsa?
Jovens com direito à devolução de propinas devem fazer IRS?
Afinal o acordo de rendimentos do anterior Governo é mesmo para cumprir. O que significa?
José Castelo Branco detido pela GNR. O que se sabe até agora?
Afinal, o Sporting tem 20 ou 24 campeonatos?
Quanto recebem os eurodeputados fora do Parlamento Europeu?
O que é o crime de "traição à pátria" de que Marcelo pode ser acusado pelo Chega?
Quem é o jovem português que incentivava e coordenava massacres online?
Fim do pagamento das ex-SCUT vai avançar? Ou Governo avança com lei travão?
Portagens vão ser eliminadas nas ex-Scut?
Excedente em janeiro passou a défice em março. O que aconteceu?
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Petervlg
    20 mar, 2023 Trofa 09:18
    esta nas nossas mãos, não comprem nada fabricado na China.