Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Euranet
Euranet
Os assuntos da atualidade naiconal e europeia numa parceria Renascença Euranet Plus.
A+ / A-
Arquivo

UE coordena operação de evacuação médica de crianças ucranianas

14 mar, 2022 • Vasco Gandra, em Bruxelas


Operação integra-se no mecanismo europeu de solidariedade para transferências médicas dentro do bloco comunitário de refugiados e pessoas deslocadas.

A União Europeia coordenou este domingo uma primeira operação de evacuação médica de crianças ucranianas, refugiadas na Polónia devido à invasão russa da Ucrânia.

A operação permitiu a transferência de três crianças ucranianas com doenças crónicas da Polónia para a Itália. A operação foi realizada por uma equipa médica italiana em cooperação com as autoridades polacas, apoiada financeira e operacionalmente pelo Mecanismo de Proteção Civil da UE, integrando-se no mecanismo europeu de solidariedade para transferências médicas dentro do bloco comunitário de refugiados e pessoas deslocadas.

"Os mais vulneráveis entre os refugiados são os doentes crónicos que necessitam de cuidados e tratamento urgentes", sublinhou o comissário para a Gestão de Crises, num artigo publicado pela direção geral para a Proteção Civil e Ajuda Humanitária do executivo comunitário. Janez Lenarčič prometeu que a Comissão continuará a trabalhar por forma a que "cada refugiado ucraniano receba os cuidados médicos de que precisa”.

Proteção civil fornecida pela UE

A UE está a mobilizar-se em apoio aos milhares de refugiados ucranianos que chegam a solo comunitário através do Mecanismo de Proteção Civil, e aos ucranianos que se encontram no país muitos deles deslocados.

No âmbito deste mecanismo 28 países oferecem ajuda à Ucrânia. Entre os 8 milhões de artigos médicos essenciais enviados contam-se material de primeiros socorros, vestuário de proteção, desinfetantes, tendas, equipamento de combate a incêndios, geradores de eletricidade e bombas de água, bem como apoio de proteção civil.

A Polónia, República Checa, Eslováquia pediram assistência à UE através do Mecanismo para fazer face à vaga sem precendentes de refugiados.

A Moldávia, país fronteiriço com a Ucrânia, ativou também o Mecanismo de Proteção Civil da UE para apoiar os refugiados que chegam ao seu território. Vários Estados-membros já prestaram assistência a este país, enviando abrigos e estojos de higiene.

O Mecanismo de Proteção Civil da UE

O Mecanismo de Proteção Civil foi criado em 2001 e coordena a resposta a catástrofes de origem humana ou naturais a nível do bloco comunitário.

Inclui uma reserva voluntária de meios previamente afetados pelos 27 para utilização imediata, dentro ou fora da UE, com um Corpo Médico Europeu de médicos e peritos em saúde pública que podem ser rapidamente destacados para operações de preparação e resposta.

Existe igualmente o Centro de Coordenação de Resposta de Emergência. Trata-se do centro operacional do Mecanismo de Proteção Civil - está ativo 24h/dia, sete dias por semana, e coordena os esforços da UE de resposta às catástrofes.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.