A+ / A-

Conteúdo Patrocinado

Em caso de dúvida, escolha o planeta!


Os nossos dias são feitos de escolhas, mas pelo ambiente, não pode haver dúvidas. Se todos evitarmos que as embalagens e medicamentos fora de uso ou do prazo acabem onde não devem, estaremos a contribuir para um mundo melhor. A ação de cada um de nós é tão determinante quanto as medidas globais de combate às alterações climáticas.

Escolha o melhor para o futuro do planeta com a ajuda da Valormed. Entregue as embalagens e os medicamentos fora de uso e de prazo na farmácia ou parafarmácia, também as que foram utilizadas no tratamento do seu animal de companhia. Em vez de deitá-los no lixo comum, ecopontos ou despejar nos esgotos, lembre-se que o seu lugar é sempre no contentor Valormed.

O planeta de amanhã é feito das escolhas de hoje!

Para saber mais, oiça a Renascença e os conselhos da Valormed:

Na rubrica Faz Eco no Turno da Tarde da Renascença a Filipa Galrão e o Daniel Leitão conversaram com o investigador da Universidade de Aveiro Bruno Nunes, especialista em ecotoxicologia. Imagina o impacto que o seu consumo de medicamentos pode ter no meio ambiente? Neste primeiro episódio começámos por falar sobre o que acontece em meios aquáticos: ribeiros, lagos, rios, mares, oceanos. Uma entrevista a não perder sobre ecologia e sustentabilidade ambiental para percebermos como as nossas escolhas diárias são decisivas para alcançar um futuro melhor para todos.

O esclarecimento do investigador Bruno Nunes:

Entretanto, está na hora de pôr em prática novos gestos e hábitos amigos do ambiente!

Se ainda não o faz, comece a entregar os resíduos de embalagens e medicamentos que já não utiliza ou que estão fora do prazo num ponto de recolha VALORMED, disponível em farmácias e parafarmácias de todo o país.

Não se esqueça que também pode depositar os que utilizou no tratamento do seu animal doméstico, pois, estes resíduos, nunca devem ser colocados no lixo comum, ecopontos ou despejados nos esgotos! A VALORMED dá-lhes o tratamento adequado!

Conheça todo o processo:

Os contentores VALORMED são recolhidos e seguem para um centro de triagem, onde os resíduos são separados e classificados.

Os materiais que podem ser reciclados (papel, plástico, vidro), são enviados aos respetivos recicladores para serem reutilizados.

Os restantes resíduos, como os restos de medicamentos, são eliminados de forma segura por incineração com valorização energética.

Não se esqueça: existe sempre uma farmácia ou parafarmácia próxima de si onde pode depositar os resíduos de embalagens e medicamentos que tem em casa e já não utiliza ou que já ultrapassaram o prazo de validade.

Separar e entregar tem de ser um hábito:

Não deixe que as férias ou o stress do dia-a-dia o façam esquecer estas boas práticas.

Não se esqueça de rever regularmente a sua farmácia doméstica e entregar nos pontos de recolha VALORMED todas as embalagens e medicamentos de uso humano ou animal que já não usa ou que estejam fora do prazo.

Mas sabe realmente o que pode depositar nos pontos de recolha VALORMED?

Os restos de medicamentos, embalagens e acessórios de administração, como copos ou colheres-medida podem – e devem! – ser depositados nos contentores existentes nos pontos de recolha.

Mas atenção: agulhas, seringas com agulhas, radiografias, termómetros de mercúrio, materiais de penso e cirúrgico, álcool etílico e água oxigenada, produtos químicos e detergentes, etc. não estão entre os materiais que fazem parte do âmbito de gestão atribuído à Valormed e, por isso, não podem nem devem ser depositados nos contentores.

Já agora: sabe se a farmácia ou parafarmácia que habitualmente frequenta têm um contentor para recolha de resíduos de embalagens e medicamentos fora de uso ou de prazo? Na sua próxima visita, tire esta dúvida. Caso ainda não exista sugira-lhe que adira ao sistema VALORMED.

E tome nota: não apenas as embalagens e medicamentos de uso humano, mas também as que administrou ao seu animal doméstico, podem e devem ser depositadas num contentor VALORMED.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.