Tempo
|

Renascença Ouve +
A+ / A-

Entrevista

A máquina de escrever que tira retratos maravilhosos aos nossos avós


Nunca é Tarde - Retratos Escritos - 22/12/2020
Nunca é Tarde - Retratos Escritos - 22/12/2020

A cada visita a um lar de idosos, André Pereira nunca regressa a casa só. Com ele, leva os idosos que tem o privilégio de conhecer nestes lares e que lhe contam histórias incríveis sobre a vida que viveram até ali.

A missão do André é que essas histórias não se percam.

Para isso, conta com uma máquina de escrever dos anos 30 que, no último ano, tem "tirado" muitos retratos aos nossos avós, tios-avós e outros idosos que vivem em lares de todo o país. Em conversa com a Sónia Santos, André Pereira falou sobre estes retratos escritos e como eles têm dado um novo ânimo aos retratados.

Pode seguir o projeto do André Pereira aqui.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.