A+ / A-
00h - 01h

João Didelet

16/01/2019


Um actor, mil personagens
João Didelet - Um actor, mil personagens
João Didelet - Um actor, mil personagens

“É engraçado porque, apesar de haver mais dinheiro nos anos 90, não havia tanto público. Acho que hoje temos mais. Penso que isso deve-se ao facto de se ter começado a investir mais no teatro para a infância, as crianças começarem a ir ao teatro desde pequeninas ou o teatro ir às escolas… e isso começou a criar público e acho que estamos a colher o fruto desse trabalho. E depois, ao contrário do cinema por exemplo, o teatro (pela sua essência) é mesmo para ser visto ao vivo e quer queiramos quer não passa a ser um programa diferente porque ali é que é mesmo o verdadeiro 3D”. (Risos)

João Didelet
(Nova peça: Faz-te um homem)

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.