Tempo
|
A+ / A-

​Nigéria. Igreja incendiada por "bandidos armados"

25 fev, 2021 • Ana Lisboa


Não há registo de vítimas entre a população.

A Igreja Católica da Sagrada Família localizada no estado de Kaduna, no norte da Nigéria, "foi atacada, incendiada e destruída no fim de semana passado por 'bandidos armados', uma expressão usada pelas autoridades locais", refere a Fundação Ajuda à igreja que Sofre.

Foram também destruídos outros dois edifícios, segundo informou o responsável pela Segurança Interna de Kaduna.

Samuel Aruwan explicou que "ao chegar ao local, os bandidos armados atearam fogo ao edifício de culto e em duas casas".

Não há qualquer registo de vítimas entre a população local, "que terá fugido perante o aparecimento dos 'bandidos' ".

O governador do estado de Kaduna condenou de imediato o ataque, tendo pedido "aos fiéis para permanecerem firmes na sua fé e devoção" e para considerarem este ataque e a destruição da igreja como "um ato perpetrado por inimigos da paz, da humanidade e da diversidade" e que "serão derrotados com a graça de Deus".

A Fundação AIS informa ainda que as autoridades pediram a elaboração de um relatório com os danos causados, e as forças policiais intensificaram as medidas de segurança na região.

Foi também atacada uma aldeia vizinha, onde morreram pelo menos duas pessoas e nove outras foram sequestradas.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.