|
O Mundo em Três Dimensões
Números que contam histórias de segunda a sexta-feira (05h40, 17h50 e 21h05).
A+ / A-
Arquivo
O Mundo em Três Dimensões - Fotografia - 03/12/2019
O Mundo em Três Dimensões - Fotografia - 03/12/2019

O MUNDO EM TRÊS DIMENSÕES

"Olhó passarinho!" Portugueses tiram em média 900 fotografias por ano

03 dez, 2019 • André Rodrigues , Paulo Teixeira (sonorização)


80% das mulheres preferem fotografar e publicar imagens com a praia e o mar como cenário. No caso dos homens são 69%.

Aquilo que fotografamos e como fotografamos depende muito se estivermos a falar de homens ou de mulheres.

A Netsonda, uma empresa de estudos de opinião, realizou 800 inquéritos online a pessoas entre os 15 e os 55 anos e chegou a conclusões que dizem muito da forma como vemos o mundo.

De acordo com o mesmo documento, 80% das mulheres preferem fotografar e publicar imagens com a praia e o mar como cenário. No caso dos homens são 69%.

O mesmo com as selfies - 69% das mulheres portugueses aderiram a esta moda do autorretrato, tal como 58% dos homens.

E onde é que todas essas fotografias vão aparecer? Sobretudo no Facebook e no Instagram.

Mas até aqui, há diferenças entre homens e mulheres. Elas dividem as partilhas que fazem - 51% no Facebook e 47% no Instagram.

Os homens têm menos filtros - 64% das fotografias tiradas por eles vão para o Facebook e 36% para o Instagram.

E é tudo quase imediato. Tira a fotografia, está a publicar, porque o telemóvel é o meio preferido para tirar fotografias.

Tendo em conta que os portugueses tiram, em média, 17 fotografias por semana, isso significa que os nossos telemóveis disparam aproximadamente 900 fotografias no espaço de um ano.

E os períodos de férias, sejam de verão ou de Natal, são as épocas favoritas para aumentar o álbum de recordações. Em média, os tempos de descanso dos portugueses rendem 29 fotografias por dia.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.