Tempo
|
A+ / A-

Europa tenta acordar posição sobre infraestruturas energéticas

11 jun, 2021 - 07:33 • Lusa

Revisão do regulamento das Redes Transeuropeias de Energia tem como objetivo facilitar investimentos em infraestruturas energéticas transfronteiriças e ajustar as orientações sobre as mesmas para alinhá-las com as novas metas de clima e energia para 2030 e 2050.

A+ / A-

Os ministros europeus com a pasta da Energia, reunidos esta sexta-feira pela última vez sob presidência portuguesa, vão tentar acordar a abordagem global do Conselho em torno da proposta de revisão do regulamento das Redes Transeuropeias de Energia (TEN-E).

A revisão do regulamento, proposta pela Comissão Europeia em dezembro do ano passado, e que foi assumida como uma das prioridades pela presidência portuguesa do Conselho da UE no setor da Energia, tem como objetivo facilitar investimentos em infraestruturas energéticas transfronteiriças e ajustar as orientações sobre as mesmas para alinhá-las com as novas metas de clima e energia para 2030 e 2050.

Esta reunião, que será presidida, no Luxemburgo, pelo ministro do Ambiente e Ação Climática, João Matos Fernandes, abordará ainda dois outros dossiês que eram apontados como prioritários pela presidência portuguesa: a estratégia europeia para o hidrogénio, e a «vaga de renovação» com vista a acelerar a renovação de edifícios a nível da UE, promovendo em simultâneo a eficiência energética, a circularidade e a melhoria do desempenho ambiental dos edifícios.

Quanto à estratégia para o hidrogénio, o Conselho já adotou em dezembro passado conclusões sobre a estratégia apresentada pela Comissão, havendo hoje lugar apenas a uma troca de pontos de vista entre os 27 sobre como promover a aposta no hidrogénio renovável também no desígnio da descarbonização, mas relativamente à "vaga de renovação", os ministros deverão adotar conclusões sobre a estratégia proposta pelo executivo comunitário, com vista a encorajar e apoiar a renovação em larga escala de edifícios até 2030.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+