A+ / A-

Covid-19. Surto em escola empurra ​Arganil para o "top" da incidência

07 mai, 2021 - 18:43 • Redação

Autarca assegura que os “focos que estão identificados e devidamente rastreados”, mas receia que o concelho faça marcha-atrás no desconfinamento, na próxima semana.

A+ / A-

Veja também:


Um surto na escola básica de Arganil terá estado na origem do elevado número de contágios no concelho, avança o autarca em declarações à Renascença. Luís Paulo Costa não tem dúvida de que o concelho vai regredir no plano de desconfinamento.

Arganil é o município do país com maior incidência, com 590 casos de Covid-19 por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias, anunciaram esta sexta-feira as autoridades de saúde.

O presidente da Câmara de Arganil, Luís Paulo Costa, lembra que o concelho tem apenas 11 mil habitantes, o que leva a que um pequeno surto ganhe maior significado estatístico.


O autarca explica que os casos detetados na escola multiplicaram-se nas famílias, mas garante o controlo da situação.

“Numa turma foram confirmados nove casos de crianças e também a professora. Estes dez casos numa turma vieram a constituir um foco significativo, não tanto na comunidade, mas particularmente nas famílias”, sublinha.

Luís Paulo Costa afirma que, “sendo naturalmente um número que tem o seu significado, não assusta demasiadamente”.

O presidente da Câmara de Arganil assegura que os “focos que estão identificados e devidamente rastreados”.

A escola está encerrada e já teve início uma campanha de testagem em massa, mas o autarca diz não ter dúvida de que o concelho vai regredir no plano de desconfinamento na reavaliação da próxima semana.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+