Tempo
|
A+ / A-

Desconfinamento

Estado de emergência. E depois de 30 de abril? "Espero que não seja necessário", diz Costa

15 abr, 2021 - 20:05 • Redação

Primeiro-ministro alinha com o Presidente da República e espera que esta tenha sido a última renovação do estado de emergência. Mas tudo dependerá da evolução da pandemia.

A+ / A-

Veja também:


O primeiro-ministro, António Costa, espera que “daqui a 15 dias o Presidente da República não sinta a necessidade de decretar um novo estado de emergência. Mas não hesitaremos em tomar as medidas necessárias para salvaguardar a saúde dos portugueses".

O chefe do Governo falava aos jornalistas após o Conselho de Ministros em que foi aprovada a fase 3 do desconfinamento que vai avançar na generalidade do país.

As exceções são os concelhos de Moura, Odemira, Portimão e Rio Maior que regressam às medidas impostas na primeira fase de reabertura da sociedade, com esplanadas encerradas e vendas ao postigo.

Já nos concelhos de Alandroal, Albufeira, Beja, Carregal do Sal, Figueira da Foz, Marinha Grande e Penela – com mais de 120 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias – mantêm-se as regras atualmente em vigor.

Autorizados a desconfinar, mas sob vigilância estão Aljezur, Almeirim, Barrancos, Mêda, Miranda do Corvo, Miranda do Douro, Olhão, Paredes, Penalva do Castelo, Resende, Valongo, Vila Franca de Xira e Vila Nova de Famalicão que, pela primeira vez, superaram os 120 casos por 100 mil habitantes nas últimas duas semanas.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+