Tempo
|
A+ / A-

Fernando Mendes

Saída de Nuno Mendes do Sporting. “A oportunidade às vezes só passa uma vez”

08 abr, 2021 - 18:15 • Pedro Castro Alves

Antigo lateral esquerdo do Sporting e da seleção nacional acha que saída é um sinal “dos tempos que vivemos”, apesar de concordar que “é uma pena” para os leões.

A+ / A-

Fernando Mendes, antigo jogador do Sporting, diz que a possível saída de Nuno Mendes é um sinal “dos tempos que vivemos” e de os clubes terem “necessidades financeiras”, o que leva a que “os jogadores saiam muito novos”.

“Às vezes é uma pena, fazia-lhes bem ficar mais tempo. Mas uma coisa que aprendi é que a oportunidade às vezes só passa uma vez”, diz em Bola Branca.

O jovem internacional português terá atraído o interesse de grandes clubes europeus como Barcelona, Manchester United e Manchester City. Fernando Mendes, também ele antigo internacional, acredita que a evolução de Nuno Mendes não ficaria comprometida com a saída, uma vez que os clubes interessados “têm grandes treinadores” que “lhe vão ensinar muita coisa”.

Fernando Mendes, antigo defesa esquerdo de Sporting, Benfica e Porto, considera que o jovem de 18 anos tem “uma margem de progressão enorme” e a maturidade que apresenta “não é normal”.

“É extremamente tranquilo para a idade que tem. Está num clube onde é titular e foi titular na seleção, por isso acho que temos aqui um futuro lateral esquerdo de eleição”, afirma, em entrevista à Renascença.

Nuno Mendes fez, até ao momento, 27 jogos e marcou um golo pelo Sporting. Com 18 anos é apontado a uma transferência no final da temporada para um grande clube europeu.

Fernando Mendes, de 54 anos, foi formado no Sporting e representou a equipa principal dos leões durante 5 épocas. Foi internacional português em 11 ocasiões.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+