Tempo
|
A+ / A-

Estado de Emergência

Covid-19. Presidente promulgou diploma que altera medidas do estado de emergência

21 jan, 2021 - 23:54 • Lusa

Anúncio foi feito através de uma nota no "site" da Presidência da República no mesmo dia em que o primeiro-ministro anunciou a suspensão das atividades letivas durante duas semanas.

A+ / A-

Veja também:


O Presidente da República promulgou esta quinta-feira o decreto do Governo que procede à alteração da regulamentação do estado de emergência, devido ao contexto pandémico, depois de terem sido apresentadas novas medidas restritivas, como o encerramento das escolas.

O anúncio foi feito através de uma nota no "site" da Presidência da República.

"O Presidente da República assinou hoje o decreto do Governo que procede à segunda alteração ao Decreto n.º 3-A/2021, de 14 de janeiro, alterado pelo Decreto n.º 3-B/2021, de 19 de janeiro, que regulamenta o estado de emergência decretado pelo Presidente da República", pode ler-se na nota.

O primeiro-ministro, António Costa, anunciou hoje o encerramento das escolas de todos os níveis de ensino durante 15 dias para tentar travar os contágios pelo novo coronavírus.

António Costa justificou a medida, por "princípio de precaução", com o aumento do número de casos da variante mais contagiosa do SARS-CoV-2, que cresceram de cerca de 8% de prevalência na semana passada para cerca de 20% atualmente.

O chefe do Governo afirmou que os 15 dias de interrupção serão compensados num outro período de férias e assegurou que haverá medidas de apoio às famílias semelhantes às que vigoraram durante o primeiro confinamento, na primavera de 2020, como faltas justificadas para as pessoas que tenham filhos com menos de 12 anos e não estejam em teletrabalho.

Portugal registou hoje 221 mortes relacionadas com a Covid-19, o maior número de óbitos em 24 horas desde o início da pandemia, e 13.544 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde.

Desde o início da pandemia, em março de 2020, Portugal já registou 9.686 mortes associadas à Covid-19 e 595.149 infeções pelo coronavírus SARS-CoV-2.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+