Tempo
|
A+ / A-

​Valor das rendas cai em todo o país. Lisboa volta a níveis de 2017

22 jan, 2021 - 09:58 • Cristina Nascimento

Pandemia e falta de turistas fez acelerar a redução das rendas, sobretudo na capital.

A+ / A-

O valor das rendas a nível nacional terminou o ano de 2020 registando uma quebra de 0,7% quando comparado com o final de 2019. Em Lisboa, esta tendência fez-se sentir de forma mais acentuada, com as rendas a caírem no fim do quarto trimestre de 2020 quase 17% (16,8%) do que em igual período do ano passado, recuando para níveis de 2017.

Os números são avançados pela Confidencial Imobiliário, empresa especializada em informação do setor.

Segundo o diretor da empresa, Ricardo Guimarães, “um dos fatores a influenciar esta descida nas rendas contratadas é o aumento da oferta para arrendamento na cidade”, adiantando “entre início e final do ano, o número de fogos disponíveis para arrendar em Lisboa aumentou 40%, sobretudo refletindo a migração de habitações oriundas do Alojamento Local”.

Ainda segundo estes dados, desde o final de 2018 que as rendas em Lisboa evidenciam uma tendência de desaceleração, com a evolução trimestral a entrar em terreno negativo pela primeira vez no terceiro trimestre de 2019. “A pandemia intensificou as descidas”, lê-se no comunicado

No Porto, as rendas registaram, no fim de 2020, uma quede de 4,5% quando comparada com o fim de 2019. É “a primeira vez desde o final de 2015 que as rendas no Porto descem em termos homólogos”, garante a Confidencial Imobiliário.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+