Tempo
|
A+ / A-

Pandemia

Itália contabiliza 10.497 novos casos Covid e 603 mortes nas últimas 24 horas

19 jan, 2021 - 17:46 • Lusa

Um total de 2.487 pessoas estão internadas em Unidades de Cuidados Intensivos no país, menos 57 do que no dia anterior.

A+ / A-

Veja também:


Itália registou 10.497 novas infeções por Covid-19 nas últimas 24 horas, assim como 603 mortes, confirmaram esta terça-feira as autoridades sanitárias italianas em comunicado.

Na segunda-feira, os óbitos tinham sido 377 e este novo aumento eleva o total para 83.157 no país desde que começou a crise sanitária em meados de fevereiro de 2020.

No total, 2.400.598 pessoas foram infetadas desde essa data.

Os 10.497 novos casos representam um aumento em relação a segunda-feira, quando normalmente as figuras são mais baixas devido à menor realização de testes durante o fim de semana, mas em qualquer caso é um crescimento menos elevado do que nas últimas semanas.

Isto apesar de ter sido realizado um número elevado de testes, 254.000, com as autoridades italianas a contabilizarem também os testes rápidos de antígenos.

Por outro lado, diminui a pressão nos hospitais. Dos 535.524 pacientes infetados, a grande maioria apresenta sintomas leves ou nenhum sintoma e está isolada em casa, enquanto 25.186 permanecem hospitalizados, menos 242 do que na segunda-feira.

Um total de 2.487 estão internados em Unidades de Cuidados Intensivos, menos 57 do que no dia anterior.

A Itália está a conter o avanço do vírus nesta terceira vaga optando pela prudência e grande parte das regiões do país estão no nível laranja, grau de risco intermediário que implica restrições como o encerramento da indústria de hospitalidade, que só pode vender ao domicílio.

A região da Lombardia, epicentro da pandemia desde o início da crise, a região autónoma de Bolzano e a ilha da Sicília estão em confinamento.

A Itália continua a campanha de vacinação e já distribuiu doses a 1.197.913 pessoas, principalmente profissionais de saúde, embora já tenha começado a vacinar maiores de 80 anos.

A pandemia de Covid-19 provocou, pelo menos, 2.041.289 mortos resultantes de mais de 95,4 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+