Tempo
|
A+ / A-

Madeira com 18 casos da nova estirpe de Covid-19

28 dez, 2020 - 12:33 • João Carlos Malta

Número foi avançado pelo presidente do Governo Regional da Madeira. Miguel Albuquerque apelou ainda a que os residentes da freguesias afetadas pelo mau tempo na ilha não circulem nas estradas que ficaram danificadas.

A+ / A-

Veja também:


O presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, anunciou na manhã desta segunda-feira que o arquipélago já tem confirmados 18 casos da nova estirpe da Covid-19.

"Nós mandamos 21 análises e deu resultado [positivo] em 18. Foram contatadas e ficaram em isolamento profilático", disse Albuquerque, que precisou que desse grupo 17 são provenientes do Reino Unido, e um de Lisboa e Vale do Tejo.

Na manhã desta segunda-feira, o secretário de Estado da Saúde, Diogo Serras Lopes, havia avançado à Renascença que foram detetados quatro casos da nova variante da Covid-19 na ilha da Madeira, todos com origem no Reino Unido. Entretanto, o número cresceu.

Miguel Albuquerque referiu ainda que entre hoje e amanhã a Madeira vai receber o conjunto de vacinas que lhe está destinada neste primeiro lote que chegou a Portugal.

A nova estirpe do coronavírus SARS-CoV-2 identificada no Reino Unido, apresentada como mais contagiosa e que está a inquietar o mundo.

Na sequência da identificação desta nova variante, diversos países, dentro e fora da Europa, decidiram suspender as ligações, nomeadamente aéreas, com o Reino Unido, uma lista que tem vindo a aumentar nas últimas horas.

A estirpe britânica do vírus já foi também detetada, pelo menos, em Portugal (ilha da Madeira), na Suécia, Itália, Holanda, Alemanha, França, Espanha, Dinamarca, Liechtenstein, Suíça, Canadá, África do Sul e no Japão.

Em relação à reconstrução das zonas afetadas pelo temporal que afetou as freguesias de São Vincente e Boaventura, o líder do Governo Regional pede aos madeirenses que não circulem nas estradas que ficaram danificadas, uma vez que as mesmas ainda não apresentam todas as condições de segurança.

De seguida avançou que as reuniões para o apoio social as vítimas do mau tempo já começou, e que para já foram identificadas duas casas irrecuperáveis e mais 20 que vão ter de sofrer obras consideráveis.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+