|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Miguel Ribeiro tem a "convicção absurda" que o Famalicão pode ganhar todos os jogos

16 set, 2020 - 11:12 • Redação

Presidente da SAD do clube minhoto acredita que eliminação europeia do Benfica não vai afetar o jogo de sexta-feira, entre os dois clubes, para o campeonato.

A+ / A-

Miguel Ribeiro, presidente da SAD do Famalicão, acredita que a sua equipa pode ganhar todos os jogos do campeonato. Em declarações à imprensa à margem de uma nova parceria, o dirigente diz que quer manter bons resultados da última época.

"Tenho a convicção absurda que podemos ganhar todos os jogos. Este crescimento está assente na performance desportiva. o objetivo é manter este desempenho, sempre a promover jogadores e qualidade do treinador, que felizmente conseguimos manter. A classificação e os pontos serão uma consequência natural", disse.

O Famalicão entra em cena esta época frente ao Benfica, na sexta-feira. Miguel Ribeiro diz que a eliminação europeia das águias não terá impacto para o jogo do campeonato.

"Espero ganhar, como espero em todos os jogos. A questão europeia só ao Benfica diz respeito, pouco impacto poderá ter para nós. Estamos preparados, uma pré-época atípica, será uma época atípica. O Famalicão fez o seu último jogo há pouco tempo. É um handicap para nós e para todos", disse.

Covid-19 preocupa Famalicão

Os casos de Covid-19 que estão a surgir nos clubes da I e II Liga preocupam Miguel Ribeiro, que diz que é preciso manter a cautela e cumprir as regras sanitárias.

"Infelizmente, o futebol é feito de pessoas, que são afetadas pela pandemia. O futebol não foge à regra. É preocupante, mas é para nós e para todos. O futebol não vive numa bolha, que esteja imune. Há que cumprir regras, ser cautelosos e que minimize o risco. Mais do que isso não conseguimos fazer", termina.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.