Tempo
|
A+ / A-

Melo. "Luís Maximiano nunca poderá sair por 8 milhões de euros"

25 ago, 2020 - 12:45 • Luís Aresta com redação

O antigo guarda-redes do Sporting fixa valor de Max entre 15 e 20 milhões de euros.

A+ / A-

Melo, antigo guarda-redes do Sporting, entende que a SAD do Sporting tenha rejeitado uma proposta de 8 milhões de euros por Luís Maximiano. Na opinião do antigo jogador, Max, a ser transferido neste momento, algo que não vê com bons olhos, terá de ser por uma verba entre 15 e 20 milhões.

"Para sair, Luís Maximiano nunca poderá ser por 8 milhões de euros. É um jogador que ainda está a crescer. Uma venda de 8 milhões seria prejudicial para o Sporting. Eu não deixaria sair Luís Maximiano por uma verba que não estivesse entre os 15 e os 20 milhões de euros", fixa Melo, em entrevista à Renascença.

O antigo guarda-redes considera que esta não é a altura certa para trasnferir Max, porque o Sporting, defende, "precisa de dois valores muito semelhantes para todos setores, de forma a rivalizar com as equipas mais fortes do campeonato".

"Mesmo com a vinda de Adán, penso que o Luís Maximiano ainda pode dar muito ao Sporting", acrescenta, prevendo que os dois guarda-redes irão jogar muito esta época, dada a quantidade de provas cocentradas em menos tempo.

Já Renan, é apagado da equação por Melo, que pelas informações que extraiu, conclui que o brasileiro não faz parte dos planos de Rúben Amorim.

Luís Maximiano, de 21 anos, tem contrato com o Sporting até 2023 e uma cláusula de rescisão de 45 milhões de euros.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.