Tempo
|
A+ / A-

Balanço DGS. Mais 417 novos casos e um óbito por Covid-19 em Portugal

18 jun, 2020 - 13:21 • Marta Grosso , Joana Gonçalves

Há menos 14 infetados com o novo coronavírus no país. No total, Portugal conta 1.524 mortes associadas à Covid-19 e 38.089 doentes.

A+ / A-

Veja também:


Portugal regista, nas últimas 24 horas, mais uma morte associada à Covid-19 e 417 novos casos confirmados da doença, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS) divulgado nesta quinta-feira.

O número de novas infeções é superior ao que tem sido registado, mas o número de casos ativos no país desceu face a quarta-feira (menos 14), uma vez que são mais os doentes dados como recuperados: mais 430.

Em termos de internamentos, o número baixou tanto em enfermaria (menos 17) como em unidades de cuidados intensivos (menos dois).

Desde que a pandemia chegou ao país, no início de março, Portugal totaliza 1.524 mortes associadas à Covid-19 e 38.089 doentes com o novo coronavírus. Além disso, 24.010 pessoas já recuperaram da doença.

Em termos de óbitos, há a registar mais uma vítima mortal nas últimas 24 horas (um homem de 80 anos), mantendo-se a taxa de letalidade global no 4%.

No que toca a regiões, Lisboa e Vale do Tejo (LVT) volta a registar o maior número de novas infeções confirmadas: 325, ou seja, 78% dos novos casos. Esta região começa, assim, a aproximar-se da região Norte, onde o número de infetados desde o início da pandemia ascende a 17.208 (na região LVT são 15.971).

Segue-se a região Centro, com 3.934 casos confirmados até agora, o Algarve (448), os Açores (143) e a Madeira (90).

A Madeira mantém-se como a única região sem qualquer vítima mortal associada à Covid-19. No Alentejo, há registo de duas mortes e no Algarve e nos Açores o número sobe para 15. Nas restantes três regiões, o valor ultrapassa os 200 óbitos (Centro), chegando aos 813 no Norte.

A população entre os 30 e os 59 anos continua a ser a mais afetada pela doença (sobretudo as mulheres na faixa dos 50-59).

Tosse e febre são os sintomas mais comuns.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+