Tempo
|
A+ / A-

Governo oficializa colaboração não remunerada de ​António Costa e Silva

03 jun, 2020 - 12:54 • Redação

Despacho de nomeação do gestor foi publicado em Diário da República. ​António Costa e Silva vai coordenar a elaboração do Programa de Recuperação Económica e Social 2020-2030.

A+ / A-

A nomeação de António Costa e Silva pelo Governo, para coordenar a elaboração do Programa de Recuperação Económica e Social 2020-2030, foi publicada esta quarta-feira em Diário da República.

Pela colaboração com o executivo, o presidente da comissão executiva da Partex Oil and Gas não vai receber "qualquer remuneração ou abono".

"Designa-se o Prof. Doutor António Costa Silva, Professor do Instituto Superior Técnico da Universidade de Lisboa e presidente da comissão executiva da Partex Oil and Gas, cuja idoneidade, experiência e competências são publicamente reconhecidas, para assegurar a coordenação dos trabalhos preparatórios de elaboração do Programa de Recuperação Económica e Social 2020-2030", refere o despacho oficial.

António Costa e Silva vai coordenar a elaboração do plano de recuperação, mas não vai participar nas negociações com os partidos com assento parlamentar e nem se está a preparar para ser ministro, como o próprio já garantiu em várias entrevistas.

O PSD vai esperar para ver, mas já admitiu que poderá haver incompatibilidade nas novas funções de Costa e Silva no Governo. O presidente do Conselho Estratégico Nacional do PSD, Joaquim Miranda Sarmento, disse à Renascença que existem tópicos delicados, como o ambiente e a energia, uma vez que António Costa e Silva é gestor da petrolífera Partex.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Americo
    03 jun, 2020 Leiria 13:41
    "qualquer remuneração ou abono". Não nos tomem por parvos s.f.f.

Destaques V+