Tempo
|
A+ / A-

DGS

Covid-19. Graça Freitas alerta que teste negativo não dispensa o máximo de cuidados

17 mai, 2020 - 14:43 • Eduardo Soares da Silva

Teste é "apenas uma fotografia do momento". Diretora-geral da Saúde atribui responsabilidade acrescida aos funcionários dos lares e creches.

A+ / A-

Veja também:


A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, alerta que a realização de testes de rastreio não dispensa o máximo de cuidados de contenção para evitar a propagação da Covid-19.

"Quero deixar uma palavra de responsabilidade a quem é testado, porque é só uma fotografia daquele momento. Aquela pessoa que começa atividade na segunda-feira tem uma responsabilidade acrescida para adotar ativamente medidas de proteção", disse, em conferência de imprensa.

Graça Freitas explicou o motivo do rastreio nas creches, quando questionada sobre o porquê de não ter realizado testes nas escolas, que também reabrem na segunda-feira para a aulas do 11º e 12º anos.

"Na realização de testes existe o critério da estratificação do risco de pessoas que podem ser portadoras e a quem possam vir a transmitir. Foi por isso que começamos nos funcionários dos lares, porque podiam transmitir aos mais vulneráveis. Nas educadoras também, porque as crianças não conseguem adotar medidas preventivas", esclarece.

Descontaminação das ruas desaconselhada

Graça Freitas sublinhou a indicação da Organização Mundial de Saúde, no sábado, que afirmou que a desinfeção das ruas pode ser perigoso para a saúde e não evita a propagação do novo coronavírus.

"A DGS já tinha dado essa informação. Não está provado que seja eficaz em grandes superfícies, como as ruas. Até porque a probabilidade de existir vírus numa estrada ou nas ruas é baixa. A DGS não aconselha, até porque esses produtos podem ter efeitos negativos na saúde e no ambiente. Mas o mesmo não se aplica à higienização das superfícies, como mesas", disse.

O relatório da Direção-Geral da Saúde deste domingo anuncia 29.036 casos confirmados com a Covid-19, mais 226 do que no sábado, 4.636 casos recuperados, mais 814 nas últimas 24 horas e 1.218 mortes, mais 15.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+