|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Secretário de Estado da Saúde

Portugal atingiu pico de testes ao coronavírus na terça-feira, com "quase 10 mil"

09 abr, 2020 - 12:28 • Inês Braga Sampaio

Secretário de Estado garante que a proteção dos profissionais de saúde é fundamental, pelo que foram encomendadas cinco milhões de máscaras cirúrgicas, além de outros materiais.

A+ / A-

Veja também:


O pico de testagem para o novo coronavírus, em Portugal, foi alcançado na terça-feira, 7 de abril, com "quase 10 mil amostras" processadas, segundo revelou, esta quinta-feira, o secretário de Estado da Saúde.

"Desde o dia 1 de março, foram realizados mais de 144 mil testes de diagnóstico Covid-19. Do total de testes, 52% foram nos laboratórios públicos e 48% em privados. O dia com mais testes realizados foi esta terça-feira passada, dia 7 de abril. Foram processadas quase 10 mil amostras", anunciou António Lacerda Sales, na conferência de imprensa diária de atualização da situação pandémica no país.

O secretário de Estado assinalou, ainda, que "foi reforçada a distribuição de zaragatoas", nos dias 5 e 6 de abril, com a chegada de 90 mil unidades.

"No final de março, foram adquiridos para a reserva estratégica cerca de 350 mil testes de diagnóstico. A sua distribuição foi feita na passada semana. Amanhã sexta-feira] receberemos mais um milhão de testes para a reserva estratégica nacional e um milhão de 'kits' de extração, que chegarão, de forma faseada, até 17 de abril", acrescentou.

Proteção dos profissionais de saúde é fundamental


António Lacerda Sales também abordou a preocupação dos médicos e restantes profissionais de saúde, que estão especialmente expostos ao vírus e que se queixam de falta de material de proteção:

"Acompanhamos a preocupação da Ordem dos Médicos e outras ordens profissionais e por isso mesmo estamos a querer reforçar essas proteções. Amanhã [sexta-feira], chegarão cinco milhões de máscaras cirúrgicas e 850 mil FFP2, que irão reforçar esses mecanismos de proteção. Temos também encomendas feitas no valor de 52 milhões de máscaras, das quais já chegaram cerca de 15 milhões. Fatos de proteção integral foram encomendados 566 mil, dos quais já foram entregues 53275. Todos estes fatores são o reconhecimento de que, de facto, é necessário protegermos os nossos profissionais de saúde."

O presidente do Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge acrescentou que "todos os hospitais e instituições, inclusivamente os privados, também têm a sua capacidade de aquisição de produtos".

Segundo a atualização desta quinta-feira, há registo de 13.956 casos confirmados e 409 óbitos por Covid-19, em Portugal.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.