|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Diretor do serviço de cirurgia e transplantação do Curry Cabral demitiu-se

09 abr, 2020 - 12:39 • Lusa

Américo Martins saiu porque a sua proposta de reorganização do serviço na unidade foi chumbada.

A+ / A-

Veja também:


O diretor do Serviço de Cirurgia Geral e Transplantação do Hospital Curry Cabral, Américo Martins, demitiu-se na quarta-feira por ter visto impedida a proposta de reorganização do serviço na unidade.

"O Conselho de Administração não aceitou a criação de dois circuitos independentes" no Curry Cabral para manter, como propunham os médicos, os serviços destinados aos doentes oncológicos e transplantados no Curry Cabral, disse hoje à Lusa fonte do hospital.

Na semana passada, o Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Central esclareceu que a transferência do transplante hepático do hospital Curry Cabral para Santa Marta decorre da necessidade de garantir aos doentes "a máxima segurança" durante a pandemia Covid-19.

Portugal registou até agora 380 mortes associadas à covid-19 e 13.141 infetados, segundo o último boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS).

Os primeiros casos conhecidos em Portugal surgiram há pouco mais de um mês e em meados de março o Governo mandou encerrar todas as escolas do país. Dias depois, 19 de março, decretou o Estado de Emergência, que já foi prorrogado por mais 15 dias.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.