|

 Confirmados

 Suspeitos

 Recuperados

 Óbitos

A+ / A-

Diogo Borges

Duas semanas após a paragem, plantel do Santa Clara estará apto para competir

26 mar, 2020 - 15:00 • João Paulo Ribeiro

Diogo Borges, médico dos açorianos, realça que "a melhor maneira de proteger os atletas é com informação e sensibilização para que todos cumpram as regras de higiene e distanciamento social".

A+ / A-

Veja também:


O médico do Santa Clara estima que duas semanas após o fim da paragem, o plantel dos açorianos estará apto para competir. Diogo Borges, em declarações à Renascença, revela que o clube de Ponta Delgada está a acompanhar a preparação dos atletas à distancia.

"Estamos todos a viver uma situação inédita que exige de nós muito sacrifício. Felizmente, temos ao nosso dispor tecnologias de comunicação que nos ajudam a manter o contacto com os atletas. Assim, vamos monitorizando o seu estado de saúde e o trabalho que realizam em casa. Os nossos jogadores profissionais estão a seguir um plano alimentar e de manutenção fisica que foi elaborado para esta fase. Estamos na expectativa que, duas semanas após o reinicio dos treinos de conjunto, todos estejam a um bom nível fisico e competitivo", refere em entrevista a Bola Branca.

O responsável clínico do Santa Clara faz por evitar alarmismos e realça que "a melhor maneira de proteger os atletas é com informação e sensibilização para que todos cumpram as regras de higiene e distanciamento social".

As competições foram interrompidas em Portugal, devido à pandemia da Covid-19. A I Liga portuguesa foi interrompida à 24.ª jornada. O Santa Clara ocupa o 10.º lugar da classificação.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.