|

 Confirmados

 Suspeitos

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

​Urgência do Amadora-Sintra com constrangimentos devido a "pico de afluência" de doentes

17 jan, 2020 - 22:15

Doentes estão a ser encaminhados para os hospitais Santa Maria e São Francisco Xavier, em Lisboa.

A+ / A-

O serviço de urgência do Hospital Amadora-Sintra encontra-se esta sexta-feira com constrangimentos, devido a um "pico de afluência que chegou aos 480 doentes", informou à Lusa fonte daquela unidade de saúde.

De acordo com fonte do Hospital Amadora-Sintra, houve um "pico de afluência que chegou aos 480 doentes" e, por essa razão, foi decidido comunicar ao Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) de Lisboa para "desviar os doentes [urgentes]" para os hospitais Santa Maria e São Francisco Xavier, em Lisboa.

A medida entrou em vigor às 20h00 de hoje e a situação será reavaliada às 08h00 de sábado. Se ainda não for possível retomar a normalidade do serviço de urgência, será feita uma nova reavaliação às 8h00 de domingo, referiu a fonte.

A mesma fonte explicou que a decisão advém de uma "medida que está em vigor há muito tempo", no âmbito da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo.

"Quando o Santa Maria tem um problema idêntico envia os doentes para nós", exemplificou a fonte hospitalar.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.