A+ / A-

Casal arrisca seis anos de prisão por tirar areia de praia da Sardenha

19 ago, 2019 - 16:25 • Redação com BBC

Um casal que tirou 40 quilos de areia de uma praia da ilha arrisca ainda uma multa que pode variar entre os 500 e 3 mil euros.
A+ / A-

Um casal francês que transportava 40 quilos de areia no carro foi detido em Sardenha e pode enfrentar até seis anos de prisão.

Os dois turistas garantem que a areia branca retirada de uma praia da ilha italiana era apenas “um souvenir”, mas aos olhos das autoridades locais o casal cometeu um crime - roubo de património nacional.

A areia das praias de Sardenha é considerada “um bem público” e é proibido retirá-la da ilha. O crime é punido com uma multa que varia entre os 500 e os 3 mil euros, mas neste caso há ainda uma outra agravante, é que a areia da praia de Chia é, também, considerada de utilidade pública.

Para além da multa o casal pode, por isso, ser condenado a uma pena de prisão que varia entre um e seis anos.

Há anos que os moradores denunciam o roubo de recursos naturais, incluindo areia.

Em 1994, o acesso à recôndita praia rosa na ilha de Budelli, no nordeste da Sardenha, foi proibido por suscitar preocupações quanto ao futuro do areal.

Todos os anos desaparecem várias toneladas de areia das praias de Sardenha.

"As praias arenosas são uma das principais atrações da Sardenha. Há duas ameaças: uma é a erosão, que é parcialmente natural e parcialmente induzida pelo aumento do nível do mar, devido às mudanças climáticas; a segunda é o roubo de areia pelos turistas", explicou à BBC Pierluigi Cocco, morador da capital da Sardenha, Cagliari, e cientista ambiental.

"Apenas uma fração dos turistas que visitam a Sardenha perdem tempo a retirar 40 quilos de areia das praias. Mas se multiplicarmos metade desse valor por 5% do milhão de turistas que recebemos por ano, em poucos anos isso pode contribuir significativamente para a redução de praias - a principal razão pela qual os turistas são atraídos pela ilha da Sardenha ", acrescentou.

O casal de turistas detido esta semana levava 14 garrafas de plástico cheias de areia retirada da praia de Chia. É comum entre os turistas que visitam a ilha, na sua maioria europeus, engarrafarem a areia para depois a leiloar online.


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.