|
A+ / A-

Gaspar Ramos

Apesar das "desculpas", FC Porto vive um "clima que se sente do lado de fora"

14 ago, 2019 - 12:45 • Rui Viegas

Gaspar Ramos, antigo dirigente do Benfica, fala do afastamento dos dragões da Champions como um mau resultado para Portugal, mas acredita que os jogadores azuis e brancos reagirão no Estádio da Luz.

A+ / A-

Gaspar Ramos diz que o FC Porto atravessa um "clima complicado e que se sente do lado de fora".

O antigo vice-presidente do Benfica encontra explicações estruturais para o momento atual dos dragões, em crise de resultados e financeira. Por outro lado, Gaspar Ramos lembra que o futebol português sai a perder com a eliminação dos dragões da "Champions", na última noite, frente ao Krasnodar.

"Esta derrota do Porto não é benéfica para o futebol nacional, mas o Benfica tira alguns benefícios, pois fica num grupo mais acessível no sorteio da fase de grupos da Champions. Agora, o Benfica tem de fazer o seu percurso", começa pr referir, em Bola Branca, antes de opinar com algumas explicações para o que está a suceder com os azuis e brancos.

"O Porto, que já neste momento vive uma situação financeira complicada, fica numa situação ainda mais complicada e difícil de gerir para o futuro. Tem vindo a sofrer alterações pela negativa e isso reflete-se, como na própria relação com o treinador. Há um clima complicado que se sente do lado de fora, independentemente das desculpas que se possam dar. Não pode ser, como no passado, quando o Porto controlava o futebol nacional e tinha tudo a seu favor. Perdeu esse controlo, as pessoas estão mais atentas e há situações que já não são suscetíveis de ser praticadas", atira.

Tem a palavra o Dragão

Tudo isto sucede quando se aproxima um Benfica-FC Porto, para a terceira jornada do campeonato, no Estádio da Luz. Gaspar Ramos defende que se trata, apesar do contexto, de um desafio de resultado incerto. E cujo desenrolar depende muito da reação e atitude em campo dos jogadores portistas.

"O Porto pode ter uma reação, os jogadores, que faça com que se apresentem na Luz com um grande interesse em ganhar o jogo. Os jogadores, apesar de todo o clima que vivem, sabem que é ganhando que se valorizam. Podem ter uma atitude que dificulte o Benfica. É um dos tais jogos, apesar de uma equipa estar melhor do que a outra, em que é difícil prever o resultado. Vai depender muito, como referi, da forma como os jogadores do Porto aparecerem na Luz", assinala.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.