A+ / A-

Cinco portugueses no 11 ideal da Liga das Nações

10 jun, 2019 - 14:55 • Redação

A eleição foi feita pelos dois observadores técnicos destacados pela UEFA para o torneio.
A+ / A-

Portugal é a seleção que mais jogadores cede à equipa ideal da "final four" da Liga das Nações. Os dois observadores técnicos que a UEFA nomeou para a competição, o escocês David Moyes e o irlandês Packie Bonner, selecionaram Nélson Semedo, Rúben Dias, Bruno Fernandes, Bernardo Silva e Cristiano Ronaldo para o onze.

Bernardo foi eleito, pelos mesmos observadores, o melhor jogador do torneio, e Cristiano Ronaldo foi o melhor marcador, com três golos, e autor dos três melhores golos do torneio. O melhor golo da competição, para a UEFA, foi o segundo que CR7 marcou à Suíça, num lance em participaram Rúben Neves e Bernardo Silva.

A Holanda abastece esta equipa ideal com quatro jogadores: van Dijk, Blind, Wijnaldum e Frenkie de Jong. O médio do Ajax, que já tem contrato com o Barcelona, foi também eleito o melhor jogador jovem. O guarda-redes de Inglaterra, Pickford, e Shaqiri, da Suíça, completa o onze ideal selecionado por Moyes e Bonner.

Onze ideal da UEFA: Pickford, Nélson Semedo, Rúben Dias, van Dijk e Blind; de Jong, Wijnaldum e Bruno Fernandes; Bernardo Silva, Shaqiri e Ronaldo.

Curiosamente, em comparação com a equipa ideal da "final four" da Liga das Nações, baseada em indíces de desempenho pré-estabelecidos, verificam-se seis mudanças. Pickford, Rúben Dias, de Jong, Bernardo Silva e Ronaldo repetem presença. Dessa equipa fazem parte Raphael Guerreiro, os holandeses de Ligt, de Roon e Depay, e os suíços Mbabu e Akanji.


guialiga19_20_banner
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.