Tempo
|
A+ / A-

Renascença nomeada para os Prémios Obciber 2018

16 nov, 2018 - 15:46

As votações para os Prémios de Ciberjornalismo decorrem até 20 de novembro e os resultados serão anunciados a 22.

A+ / A-

A Renascença está nomeada para os Prémios de Ciberjornalismo Obciber 2018.

Na edição deste ano dos prémios atribuídos pelo Observatório do Ciberjornalismo, estão nomeados trabalhos jornalísticos nas categorias de "Excelência Geral", "Última hora" e "Narrativa Vídeo Digital".

Para o prémio de "Excelência Geral", estão nomeados, além da Renascença, o Jornal de Notícias e o jornal Público. A Renascença foi vencedora desta categoria na edição do ano passado.

O prémio "Última Hora" destaca o acompanhamento da Renascença dos incêndio de 15 de outubro. Dois trabalhos do Público - um sobre o mesmo tema, outro sobre o cativeiro de um grupo de jovens numa gruta da Tailândia - estão também nomeados nesta categoria

Na categoria de "Narrativa Vídeo Digital, o trabalho jornalístico da Renascença que está nomeado diz respeito à reportagem “Pedrogão. Um ano depois do meu mundo arder”, assinado pelos jornalistas João Carlos Malta e Joana Bourgard e também por Rodrigo Machado, Tânia Barreira e Luís Alves.

Juntamente com a Renascença estão também nomeados nesta categoria os trabalhos “ Salvar a aldeia do fogo esquecido” e “ De fora é um mamarracho”, do jornal Público.

A edição deste ano vai atribuir ainda prémios em mais cinco categorias: "Reportagem Multimédia", "Infografia", "Ciberjornalismo de Proximidade", "Ciberjornalismo Académico" e "Narrativa Digital Sonora".

Até ao ano passado, a Renascença tinha conquistado 20 prémios Obciber, o "Jornal de Notícias" 13, o "Público" 11, o JornalismoPortoNet oito, o "Expresso" três, o ComUM dois, o PortugalDiário, o Sol e o Observador um

As votações para os Prémios de Ciberjornalismo decorrem até ao dia 20 de novembro e os resultados serão anunciados a 22.

Os prémios de Ciberjornalismo pretendem reconhecer os trabalhos jornalísticos produzido em Portugal na área do ciberjornalismo.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Ana Maria Seabra de
    19 nov, 2018 Lisboa 14:58
    Como se faz votar na minha rádio renascença???????????