|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Jornadas

Igreja e o digital. “Falta ajustar a linguagem aos diferentes públicos”

27 set, 2018 - 16:55

Patrícia Dias, investigadora da Universidade Católica Portuguesa, sugere a criação de grupos de discussão online.

A+ / A-
Teresa Paula Costa - jornadas D27
Teresa Paula Costa - jornadas D27

As mensagens que a Igreja quer comunicar têm tudo para ser eficazes e são altamente inspiradoras, mas falta ajustar a linguagem aos destinatários.

A ideia foi deixada esta quinta-feira por Patrícia Dias, investigadora da Universidade Católica Portuguesa (UCP), nas Jornadas Nacionais de Comunicação Social, que decorrem em Fátima.

“O que falta, por vezes, é ajustar a linguagem aos diferentes públicos. Há muitas aplicações, a Igreja usa muito o digital, mas por vezes falta comunicar e estou a pensar, sobretudo, nos jovens.”

Patrícia Dias considera que há movimentos da Igreja com experiências muito positivas na área do digital e sugere a criação de grupos de discussão online.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.