|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Bruno de Carvalho mantém tabu, mas sente "apoio inequívoco dos sportinguistas"

27 dez, 2016 - 19:57

Presidente do Sporting confirma a realização de eleições em Março, mas não esclarece se vai recandidatar-se.

A+ / A-
Bruno de Carvalho. "Nunca me cruzei com Pedro Madeira Rodrigues"
"Nunca me cruzei com Pedro Madeira Rodrigues", diz Bruno de Carvalho

Veja também:


O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, mantém o tabu sobre a sua recandidatura, mas sente "apoio inequívoco dos sportinguistas" ao trabalho que a sua direcção tem realizado nos últimos anos.

Numa declaração aos jornalistas após um treino solidário, em Alvalade, para assinalar o início do período eleitoral, Bruno de Carvalho disse que no lugar e na hora certa vai pronunciar-se sobre esse assunto, mas ainda não é agora. "Não estou aqui para dizer se sou candidato ou não".

As eleições para a presidência do Sporting vão ter lugar em Março de 2017, confirmou o líder leonino no dia em que Pedro Madeira Rodrigues anunciou a sua candidatura. O dia será anunciado pelo presidente da assembleia geral do clube.

Bruno de Carvalho deu as "boas-vindas" à candidatura de Pedro Madeira Rodrigues e a todos os outros sportinguistas que se queiram candidatar, para que as eleições sejam uma "grande manifestação de vitalidade" e democracia. As portas de Alvalade estarão abertas e a Sporting TV e o "Jornal do Sporting" vão acompanhar e divulgar todas as candidaturas, sublinhou.

"Não quero que ninguém volte a passar o que passei quando me candidatei na primeira e na segunda vez", referiu.

"Nunca me cruzei com Pedro Madeira Rodrigues"

Na apresentação da candidatura, que decorreu esta terça-feira num hotel de Lisboa.Pedro Madeira Rodrigues disse que o modelo de gestão de Bruno de Carvalho "está esgotado".

O presidente do Sporting não respondeu a estas críticas e acrescentou que nada o move contra Madeira Rodrigues, porque nunca o encontrou no Sporting.

"Nunca me cruzei com Pedro Madeira Rodrigues. Não sinto nada contra Pedro Madeira Rodrigues. Não me lembro dele. É a total realidade. Quando as pessoas me dão uma má impressão eu lembro-me", afirmou o líder leonino.

Questionado pelos jornalistas se está em reflexão, Bruno de Carvalho respondeu que, enquanto presidente de um grande clube como o Sporting, está em "reflexão constante".

Bruno de Carvalho sente um "apoio inequívoco" ao trabalho que a sua direcção está a realizar e sinal desse apoio, argumenta são as assistências superiores a 40 mil espectadores no Estádio de Alvalade, as milhares de pessoas que acompanham o Sporting nos jogos fora e os milhares que marcaram presença no treino solidário desta terça-feira.

"Não estamos no lugar que esperávamos, mas só tenho de dizer que o Sporting está mais unido do que nunca, com mais garra, com uma fé inabalável naquilo que é o orgulho sportinguista. É para isso que fomos eleitos e estamos a trabalhar", salientou.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • jose Guilherme
    28 dez, 2016 lisboa 18:41
    Calma os SALVADORES estao a chegar. E os ratos estao a sair da toca.