A+ / A-
Veja em directo na Renascença

"Peregrinos" é o retrato de quem vai até Fátima a pé

28 mar, 2017 - 13:24

Novo livro da Fundação Francisco Manuel dos Santos será apresentado em directo na Renascença, a 7 de Abril.
A+ / A-

João António pisou pela primeira vez o santuário de Fátima com os pés inchados, cobertos de sangue e de terra. Chegou descalço e foi assim que saiu de São João da Pesqueira, a 300 quilómetros. A pele estava tão seca pelo calor e pela exigência do caminho que as gretas deixavam ver a carne ferida. “Tinha muitas, muitas dores.” Exausto, aproximou-se da Capelinha das Aparições, ponto central do recinto, onde está a imagem de Nossa Senhora, e sentiu-se renovado. “Inundou-me uma grande paz. Foi como se tivesse deixado ali o meu sofrimento”, conta o serralheiro, na altura com 33 anos.


João, serralheiro de São João da Pesqueira, caminha descalço há 14 anos pela saúde do filho. Constança e Gonçalo foram preparar-se para o casamento. Marleen foi a Fátima depois de ter feito um aborto. Joaquim vai lá há quase meio século: partiu pela primeira vez em Maio de 1971, meses depois de ter regressado da guerra da Guiné – tinha prometido que se saísse vivo da antiga colónia iria à Cova da Iria a pé.

São histórias reunidas em “Peregrinos”, da autoria das jornalistas Ana Catarina André e Sara Capelo, o novo livro da colecção "Retratos" da Fundação Francisco Manuel dos Santos (FFMS).

Na origem deste livro de reportagens está uma conversa entre as autoras, uma agnóstica (que nunca fora à Cova da Iria) e uma católica (que já peregrinara), sobre quem são as pessoas que vão a Fátima a pé para cumprir promessas ou agradecer.

“Só em 2016 estiveram no Santuário mais de cinco milhões de fiéis, entre portugueses e estrangeiros. Muitos chegam depois de longas caminhadas. O que os leva a percorrerem centenas de quilómetros a pé?”, acrescenta.

“Peregrinos” será apresentado no dia 7 de Abril, a partir das 16h45, no Auditório da Renascença, em Lisboa, com a presença das autoras, Pedro Diogo, um dos peregrinos retratados, e do padre José Tolentino Mendonça.

A conversa, moderada pelo jornalista José Pedro Frazão, terá directo vídeo no site da Renascença e será também parcialmente transmitida na antena da rádio.

A apresentação tem entrada livre, mas requer inscrição prévia no site da FFMS. As primeiras 50 inscrições recebem um exemplar de “Peregrinos”.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.