O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-

Irmãos luso-descendentes mortos em assalto na África do Sul

20 mar, 2017 - 19:03

Os homens de 45 e 47 anos eram proprietários de um talho na capital sul-africana e morreram ao tentar resistir aos quatro assaltantes que os surpreenderam pela manhã.
A+ / A-

Dois irmãos sul-africanos, com origens na ilha da Madeira, foram assassinados esta segunda-feira em Pretória, capital da África do Sul, durante um assalto ao seu estabelecimento comercial. A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas.

Os dois luso-descendentes, de 45 e 47 anos, eram proprietários de um talho juntamente com outro irmão, que fica nas proximidades da estação central ferroviária de Pretória.

O assalto ocorreu quando os dois irmãos chegaram ao estabelecimento por volta das 6h30 locais (4h30 em Lisboa), e foram abordados por dois assaltantes. Devido à resistência por parte dos irmãos, outros dois homens apareceram, acabando por matá-los.

As vítimas tinham três filhos cada um e a sua família estava radicada há décadas na África do Sul.

Segundo a Secretaria de Estado das Comunidades, não vai haver trasladação dos corpos para Portugal e a embaixada de Portugal em Pretória está a prestar todo o apoio aos familiares das vítimas.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.